Gestão e Recuperação de Créditos Houve quebra na concessão de créditos

Houve quebra na concessão de créditos

Endividamento de empresas e famílias.
Houve quebra na concessão de créditos

Os dados lançados regularmente pelo Banco de Portugal sobre o endividamento de empresas e famílias em Portugal é alvo recorrente de discussão e análise. Questionámos a Servesco se há mais endividamento em Portugal. "Tanto a nível de empresas como particulares, houve uma grande quebra na concessão de créditos, bem como uma melhoria dos rácios de incumprimento. Quanto aos particulares, tem vindo a verificar-se descida nos créditos concedidos nomeadamente a nível da habitação, no entanto, o crédito ao consumo contraria essa tendência, verificando-se uma variação positiva", responde Alexandrina Freitas.

 

No que diz respeito ao estado em que se encontra o sector da recuperação de crédito em Portugal, "tem vindo a evoluir bastante e com especial preocupação das empresas dos sectores em especializarem-se nas suas áreas de negócio e intervenção". Por isso, existem mais "empresas e mais emprego" nesta área. "É também um reflexo da confiança neste sector", sublinha.

 

E o que leva as pessoas a deixarem de pagar os seus créditos? "São vários os factores, mas no que concerne aos particulares, é essencialmente a incapacidade financeira, o descontrolo financeiro e até mesmo o esquecimento", conta a directora da Servesco – Serviços Esco-Expansión Portugal, Lda.




pub