Mestrados e Pós-graduações A importância de voltar à escola

A importância de voltar à escola

Empresas nacionais lutam diariamente para se adaptarem e ganharem o seu espaço no mercado global
A importância de voltar à escola

As empresas nacionais lutam diariamente para se adaptarem e ganharem o seu espaço no mercado global. Já se percebeu que os mestres e os pós-graduados têm um papel central nesta realidade e são fundamentais para que as empresas portuguesas evoluam e se actualizem cada vez mais, de modo que possam dar resposta aos diferentes desafios que têm pela frente.

José Veríssimo, docente do ISEG, apontou as universidades como sendo um "bom ponto de encontro" para que as pessoas que precisem de se actualizar possam adquirir essas competências. Até porque a obrigação das universidades é não serem ultrapassadas. "A nossa obrigação como escola é estar actualizada e não só seguir a tendência, mas até ajudar a criá-la. As empresas, pequenas, grandes, em crescimento, já maduras, ao virem à escola acabam por beneficiar de um meio onde a actualização é uma constante. Isso é muito importante para as empresas", sublinha o professor.


De modo a reforçar a sua ideia, José Veríssimo dá o exemplo da área digital. "Hoje, uma empresa que esteja a comunicar, a ter alguma preocupação com o investimento na área publicitária, naturalmente, tem de olhar para os meios digitais. E só há duas formas de o fazer: de uma maneira informada, sabendo quais são as ferramentas e as métricas mais apropriadas e nós trabalhamos isso. Ou não! Vir à universidade é uma oportunidade para se aprofundar esses conhecimentos e práticas. É uma grande vantagem", realça, lembrando que, por vezes, existem alterações de funções das pessoas dentro das organizações. Ou por maior responsabilidade ou por alteração de área. E, mais uma vez, "as universidades e os cursos têm a vantagem de poder actualizar a pessoa e formá-la para desempenhar as novas funções com qualidade".




pub