Classificações: Aproveitar a volatilidade para chegar ao topo do Jogo da Bolsa

O Jogo da Bolsa termina amanhã e os primeiros classificados estão separados por uma curta distância. No segundo lugar está Bruno Pires, que tirou partido da volatilidade do índice DAX.
Classificações: Aproveitar a volatilidade para chegar ao topo do Jogo da Bolsa
Negócios 23 de novembro de 2017 às 09:59
Segunda-feira foi um dia agitado para a bolsa alemã. O índice DAX iniciou em queda, reflectindo o anúncio efectuado na véspera de que tinham colapsado as negociações para a formação de um governo de coligação liderado por Angela Merkel. Ao longo do dia foram desvanecendo os receios com o impacto da crise política na maior economia europeia e o DAX acabou por fechar a sessão em terreno positivo. Entre o mínimo e o máximo da sessão oscilou mais de 1%.

Quem tirou partido desta volatilidade no índice foi Bruno Pires, que saltou para o primeiro lugar da classificação geral logo na segunda-feira, posição que manteve até ontem. O feito foi conseguido através do investimento em CFD sobre o DAX, "um índice com bastante volatilidade e é europeu, logo os horários de negociação coincidem com o meu horário", diz este jogador de Coimbra. Bruno Pires participa pela quarta vez no Jogo da Bolsa, tendo como objectivo "obter uma boa classificação". Com uma rendibilidade de 159,97% - agora em segundo lugar -, este jogador de 25 anos está a cumprir, sendo que não tem investimento reais nos mercados por falta de "disponibilidade financeira para isso".

Maria Ribeiro também não investe nos mercados, mas está igualmente em destaque na edição deste ano do Jogo da Bolsa. Esta jogadora de Vila Real venceu o terceiro prémio semanal e já esteve no primeiro lugar da classificação geral.

Ocupa agora a 7ª posição, com uma rendibilidade de 59,31%. Tal como Bruno Pires, este bom desempenho deve-se a uma estratégia de aposta na volatilidade, através de CFD sobre a Altice. "A escolha pelos CFD foi pela possibilidade de alavancar o investimento e a Altice foi o facto de ser muito volátil, o que permite angariar grandes ganhos", explica esta estudante de economia de 22 anos, que participa pela primeira vez no Jogo da Bolsa, para "me ajudar a entender a mecânica" dos mercados. Na frente da classificação está agora Maria Pausada (178,9%), que tem estado em destaque desde o arranque do Jogo. 


JOGO DA BOLSA

30 de Outubro a 24 de Novembro

As classificações do Jogo da Bolsa 2017 são actualizadas diariamente. Em primeiro lugar, um Top é publicado no Negócios e às 14 horas a listagem total é publicada no Jornal de Negócios Online (www.negocios.pt). Para o efeito, todos os dias é retirada uma classificação provisória da Classificação Global, a Classificação Universitária e da Classificação Universo ISCTE Business School. Depois, todas as terças-feiras, é divulgado o vencedor semanal. Na primeira semana, o vencedor da classificação é quem ficar à frente na classificação global. Nas semanas seguintes, o vencedor da semana pode não corresponder ao líder do jogo. Saiba quais são os prémios desta edição do Jogo da Bolsa em http://jogodabolsa.negocios.xl.pt/classificacoes.html






A sua opinião0
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar