Turismo: as forças, fraquezas, ameaças e oportunidades

Há fragilidades e ameaças no sector do turismo, mas o caso português parece cada vez mais consolidado. O turismo tem mostrado dinamismo.
Turismo: as forças, fraquezas, ameaças e oportunidades
Pedro Catarino
Alexandra Machado 08 de Novembro de 2016 às 14:50
Forças

Segurança
Portugal já entrou na lista dos países mais seguros para viajar.

Hospitalidade
Os portugueses sabem receber bem e isso é reconhecido.

Compreender línguas
Os turistas encontram facilmente quem fale línguas estrangeiras.


Fraquezas

Promoção
Ainda falta chegar a muitos mercados e com vários produtos.

Legislação laboral
Agentes dizem que este é um sector que precisa de regras flexíveis.

Instabilidade fiscal
As mudanças fiscais acontecem com frequência em Portugal.


Ameaças

Qualificação
Falta formação contínua e carreiras aliciantes no turismo.

Precariedade
O facto de ainda haver sazonalidade obriga a muitos temporários.

Aeroporto
Lisboa pode ficar com um problema se aeroporto não crescer.


Oportunidades

Diversidade e especialização
Portugal consegue oferecer várias alternativas ao turista.

Recuperação de património
O turismo está a proporcionar a recuperação de muito património.

Novos negócios
Em cada sete novos negócios, um pertence ao sector do turismo.





A sua opinião0
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar