Negócios num minuto  Que impactos pode ter uma descida do IVA na restauração?

Que impactos pode ter uma descida do IVA na restauração?

Os partidos à esquerda do hemiciclo propõem baixar a taxa de IVA na restauração dos actuais 23% para os anteriores 13%. O Negócios explica os impactos que essa descida pode vir a ter, nomeadamente nos cofres públicos.
A carregar o vídeo ...
Negócios 21 de julho de 2015 às 16:22
A subida do IVA na restauração causou dificuldades a centenas de empresas. Voltar a descer a taxa é a proposta de PS, PCP e BE. Mas que impacto poderá isso ter?

Elisabete Miranda, redactora principal do Negócios, explica o que pode ocasionar essa descida.



A sua opinião12
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
comentar
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
mais votado objectivo 21.07.2015

Vai ter o impacto de os proprietários dos restaurantes ganharem mais algum. Em contrapartida o zé povinho há-de levar com mais um imposto ou mais uma taxa para compensar a receita que se perde na restauração.

comentários mais recentes
Coisas de esquerda 22.07.2015

Berram aos quatro ventos pela falta de verbas na Saúde, Educação, nos apoios sociais,etc.. No entanto é mais importante beneficiar a restauração com 10% do IVA. Quanto a novos empregos, népia !

Anónimo 22.07.2015

Mas qual restauração IVA tem de baixar é na energia eléctrica !!!

Anónimo 21.07.2015

Se os sr. que falam , falam , falam em vez de falarem fizessem contas, esta palhaçada de querem baixar o IVA da restauração ficava logo arrumada num canto. Não ia fazer diferença nenhum aparo consumidor e o contribuinte iria ter de pagar a diferença (impostos).

Impacto 21.07.2015

Os proprietários embolsam 10%. Novos empregos ZERO. Aumentos salariais ZERO. Receita para o SNS, Educação, Justiça, etc, ZERO. Baixa de preços ZERO.

ver mais comentários
pub