Alberto Ramos: "O processo de inovação é um processo contínuo"

Alberto Ramos, country manager do Bankinter Portugal, afirma que o país já é reconhecido no mundo pelas suas capacidades inovadoras.
Alberto Ramos: "O processo de inovação é um processo contínuo"
Filipe S. Fernandes 03 de abril de 2018 às 11:02
Qual é o papel da inovação na estratégia das empresas portuguesas?
A inovação é um ponto fulcral na afirmação das empresas portuguesas no Mundo, nomeadamente na sua internacionalização, ao aportarem uma mais-valia que pode ser diferenciadora nos mercados onde operam, bem como criar e ajudar a capturar uma maior margem na cadeia de valor dos produtos e/ou serviços. Portugal é reconhecido internacionalmente como um pólo de inovação. Basta recordarmos a Via Verde e o Multibanco, que são exemplos do que melhor produzimos em termos de inovação em Portugal, tecnologias que exportamos para todo o Mundo. O facto de termos um português como comissário europeu de Investigação, Ciência e Inovação é mais um reconhecimento do papel que a inovação tem em Portugal, e nas empresas em particular.

Quais as principais dificuldades e constrangimentos à inovação?
O processo de inovação é, idealmente, um processo contínuo. Ou seja, exige recursos humanos e materiais, bem como tempo para que um produto possa ser desenvolvido, maturado e lançado ao mercado. A I&D nas empresas exige um DNA próprio, que deve ser core na cultura da empresa.

O crescimento do Bankinter está intimamente associado ao crescimento das empresas que apoia. Alberto Ramos
country manager do Bankinter Portugal

Os constrangimentos podem prender-se com os recursos disponíveis para proceder ao desenvolvimento, sendo que sem este, as empresas estagnam, correndo o risco de se deixarem ultrapassar rapidamente. O papel do Bankinter é ser parceiro das empresas, contribuindo, por exemplo, através do correcto financiamento das actividades de I&D.

O crescimento do Bankinter está intimamente associado ao crescimento das empresas que apoia. Os desafios que enfrentam, e para os quais solicitam o nosso apoio, estimulam a nossa procura de soluções para a sua actividade. O seu sucesso estimula o nosso. 





pub