Linhas Cruzadas Os franceses votaram. Regressam daqui a 15 dias 09:55 Fernando Sobral
Dentro de duas semanas as escolhas são apenas duas. Ou Emmanuel Macron ou Marine Le Pen. Todos os outros candidatos presidenciais, daquele que era considerado um vencedor antecipado apenas há uns meses (Fillon) a Hamon (rosto de um PS desintegrado) ficam de fora da última corrida.
Camilo Lourenço Marcelo está preocupado? 00:01 Camilo Lourenço 141
O Presidente tem, aqui e ali, falado em crescimento económico. Mas é a segunda vez que coloca o acento tónico em "crescer mais". Recado para todos os partidos? Sim, mas o destinatário principal é a coligação.
Tiago Freire O que falta para cumprir Abril 00:01 Tiago Freire
O 25 de Abril e o 10 de Junho são ocasiões propícias para colocar o país no divã.
Ontem
Fernando Sobral A doce e amarga França 25.04.2017 Fernando Sobral
A Europa bem comportada pensa, com a provável vitória de Macron, que as sombras do apocalipse foram afastadas. Estão equivocados.
Colunistas Riscos cibernéticos são da responsabilidade da gestão  25.04.2017 Nélson Ferreira
A segurança e a proteção de dados tornaram-se, nos últimos anos, nas principais preocupações das empresas face à globalização e, sobretudo, à digitalização mundial.
João Carlos Barradas França: a litania dos fracassos 25.04.2017 João Carlos Barradas
Jean-Marie Le Pen somou 5,5 milhões de votos, 18% dos sufrágios, na disputa contra Jacques Chirac na segunda volta das presidenciais em Maio de 2002, e Marine parte para o confronto com Emmanuel Macron contando com 7,8 milhões de apoiantes, 21% dos votantes - nisto se resume a degradação da Quinta República.
Colunistas Os benefícios fiscais na reabilitação urbana 25.04.2017 João Antunes
As mais-valias auferidas por singulares residentes são tributadas à taxa autónoma de 5%, com opção pelo englobamento, quando sejam inteiramente decorrentes da venda de imóveis situados em "área de reabilitação urbana".
Francisco Mendes da Silva Reflexões sobre a revolução em França 25.04.2017 Francisco Mendes da Silva
Quem (ainda) acredita na ordem liberal do pós-II Guerra, seja mais conservador ou progressista, não tem de se acobardar e imitar os extremistas para vencer eleições. "En garde!"
Nouriel Roubini Um teste de realidade orçamental para os republicanos dos EUA 25.04.2017 Nouriel Roubini
A única maneira sensata de proporcionar um alívio fiscal aos trabalhadores de rendimento médio e baixo é aumentar os impostos sobre os ricos. Esta é uma ideia populista socialmente progressista que um plutocrata pseudo-populista como Trump nunca aceitará.
Anteontem
Economistas As tentações de uma China resiliente 24.04.2017 Stephen Roach
A combinação de resiliência de curto prazo e de uns Estados Unidos virados para dentro parece oferecer uma oportunidade tentadora para a China.
Ulisses Pereira A correcção que acalma os touros 24.04.2017 Ulisses Pereira
Estou mais optimista agora que o mercado atirou para fora da carruagem aqueles que acreditam que se pode chegar à lua em 24 horas.
Linhas Cruzadas O paradoxo dos impostos. E o futuro da mobilidade laboral 24.04.2017 Fernando Sobral
Nas eleições britânicas vai falar-se de impostos. E de Commonwealth. E da mobilidade laboral. Temas importantes nestes dias.
Camilo Lourenço Outro banco português? Para quê? 24.04.2017 Camilo Lourenço 327
Faria de Oliveira, presidente da Associação Portuguesa de Bancos (APB), diz ao "DN" que seria "útil ter um banco privado com capital maioritário português.
André Veríssimo Um anjo ainda sem asas 24.04.2017 André Veríssimo
Portugal é um "anjo caído" na gíria dos "ratings". Perdeu as asas em 2011 quando entrou no "lixo". E expia ainda os seus pecados. Até quando?
Opinião Marques Mendes: "Passos recandidata-se qualquer que seja o resultado autárquico" 23.04.2017 Luís Marques Mendes
Nas notas da semana na SIC - e de que o Negócios publica os excertos - Marques Mendes diz que o PSD devia concentrar-se na mobilização para as autárquicas, em vez de guerras internas, e em ser oposição eficaz ao Governo "porque António Costa está a entrar no eleitorado do PSD".
Visto por Dentro Para que serviu a lei das rendas? 23.04.2017 Manuel Esteves
A reforma do arrendamento urbano de Passos Coelho e Assunção Cristas gerou muita polémica. Passados cinco anos, e mesmo com falta de estatísticas, é difícil vislumbrar uma dinamização do mercado de arrendamento.
pub