João Quadros Frase Charlie 11:12 João Quadros 30
O discurso de António Costa foi como aquele indivíduo que veio cá arranjar o esquentador, mas nem lhe tocou: "vocês dão cabo destes esquentadores. Deve ser o 'chip', mas depois vem cá um colega ver".
Manuel Falcão A esquina do Rio 11:09 Manuel Falcão
É uma terrível coincidência que, dias depois de o Governo tentar fazer esquecer e subalternizar o relatório sobre o incêndio de Pedrógão Grande, uma nova catástrofe tenha colocado ainda mais a nu o que então tinha corrido mal, e que agora se repetiu.
Ontem
Camilo Lourenço Quando os primeiros-ministros se fecham no seu círculo próximo...  19.10.2017 Camilo Lourenço 430
A crise política espoletada pelo "double whammy" dos incêndios trouxe uma realidade nova: a perceção de que o Governo é vulnerável e que António Costa tem limitações. Uma delas, que pode ser fatal num político, é não conhecer meio-termo entre teimosia e sensibilidade.
Fernando Sobral Uma nova cultura política 19.10.2017 Fernando Sobral
Da mesma forma que o polícia de "Casablanca" descobre, horrorizado, que se jogava no "Rick's Café", muita da classe política (nacional, distrital e local) ficou agora escandalizada pelo que tornou cinzento o Portugal ao norte do Tejo.
Armando Esteves Pereira O apocalipse que estraga a narrativa rosa 19.10.2017 Armando Esteves Pereira
Havia uma narrativa cor de rosa de um país de sucesso. A tragédia de Pedrógão criou a primeira contrariedade nesta história, mas o apocalipse que aconteceu nas beiras prova as inacreditáveis deficiências de um Estado frágil e mal gerido.
Bruno Faria Lopes Marcelo chega atrasado, mas ainda vai a tempo  19.10.2017 Bruno Faria Lopes 27
Depois de duas tragédias, o Presidente entra no debate importante no pós-crise: como anda a ser usada a margem orçamental e qual o impacto das escolhas governativas nos serviços públicos prestados por um Estado que arrecada uma colecta recorde de impostos.
Francisco Seixas da Costa Olhar para o lado 19.10.2017 Francisco Seixas da Costa
A nossa relação bilateral com Espanha é hoje, contudo, francamente saudável e, felizmente, não depende de qualquer sintonia ou cumplicidade político-ideológica entre os dois lados da fronteira.
Anteontem
Pedro Santana Lopes Tão simples quanto isto 18.10.2017 Pedro Santana Lopes 230
Portugal precisa muito que o Orçamento do Estado para 2018 consagre medidas e dê sinais que contribuam para manter a rota ascendente do crescimento da economia.
Camilo Lourenço A arrogância deu cabo da lua-de-mel 18.10.2017 Camilo Lourenço 1222
Marcelo ganhou argumentos para se afastar de um governo a quem estava excessivamente colado. E isso faz toda a diferença...
Fernando Sobral E agora, António? 18.10.2017 Fernando Sobral
Quando a política não sabe falar, não sabe decidir. O descrédito da política é o da palavra e da sua utilização sem critério e sem responsabilidade. Quando as palavras não comprometem quem as pronuncia, não podem convencer quem as escuta.
pub
pub