Cronista
Adolfo Mesquita Nunes Advogado

Adolfo Mesquita Nunes tem mais de treze anos de experiência em advocacia nas áreas de direito público, nomeadamente em políticas públicas, contratação pública, regulação, contencioso, arbitragem e contratos públicos. É Sócio da sociedade Gama Glória. Foi Secretário de Estado do Turismo do XIX e XX Governos Constitucionais, entre 2013 e 2015. É licenciado em Direito pela Universidade Católica Portuguesa (2000) e Mestre em Ciências Jurídico Políticas pela Universidade de Lisboa (2008). Vice-Presidente do CDS-PP.

Adolfo Mesquita Nunes A mentira de alguma esquerda sobre o SNS 17.09.2018 Adolfo Mesquita Nunes 122
O SNS que temos hoje está muito mais perto do SNS que o CDS apresentou e defendeu em 1979 do que daquilo que comunistas e socialistas então defenderam.
Adolfo Mesquita Nunes Taxa Robles 10.09.2018 Adolfo Mesquita Nunes 359
Em Portugal, já aqui o escrevi, temos tendência para analisar e avaliar as políticas de acordo com as suas intenções e não de acordo com as suas consequências.
Adolfo Mesquita Nunes A incapacidade de reconhecer méritos alheios 03.09.2018 Adolfo Mesquita Nunes 376
Alguma vez, desta maioria de esquerda, ouviram partilhar os resultados do país, de crescimento e emprego e competitividade, com o governo anterior? Alguma vez, desta maioria de esquerda, ouviram reconhecer os méritos das reformas aprovadas anteriormente? Pode algum país crescer sustentadamente neste clima binário?
Adolfo Mesquita Nunes Não foi o petróleo que destruiu a Venezuela: foi o socialismo  27.08.2018 Adolfo Mesquita Nunes 9971
A Venezuela é o único país da OPEP que caiu em "default", recessão e hiperinflação. A empresa petrolífera nacional, uma das mais eficientes e rentáveis do mundo há vinte anos, acabou a importar petróleo.
Adolfo Mesquita Nunes Comunismo, nazismo e fascismo: tudo a mesma fruta 20.08.2018 Adolfo Mesquita Nunes 4846
Nenhuma experiência comunista resultou noutra coisa que não em regimes assassinos, torcionários, ditatoriais, condenando milhões à fome e à miséria. Foi sempre esse o resultado das experiências comunistas.
Adolfo Mesquita Nunes Uma comparação desonesta, de má-fé, ludibriosa 13.08.2018 Adolfo Mesquita Nunes 1645
Um dos mais desonestos exercícios intelectuais a que temos assistido nos últimos anos em Portugal é o que passa por esconder, ignorar, apagar, as condições em que o governo anterior teve de exercer funções. 
Adolfo Mesquita Nunes Tão amigos do serviço público que eram, tão calados que andam   06.08.2018 Adolfo Mesquita Nunes 1533
Esta maioria de esquerda há muito mostrou que, para ela, os serviços públicos só têm uma componente que importa cuidar, a dos funcionários.
Adolfo Mesquita Nunes A natureza moral da atuação política do Bloco  30.07.2018 Adolfo Mesquita Nunes 2155
O que importa é a questão estrutural, que não se resolve com a renúncia de Robles, que persistirá após tal renúncia, e que deve ser denunciada e exposta: a natureza moral da atuação política do Bloco.
Adolfo Mesquita Nunes A propriedade privada e a maioria de esquerda 23.07.2018 Adolfo Mesquita Nunes 1531
Não é possível ter uma maioria de esquerda, formada por socialistas, comunistas e trotskistas, e depois achar que a coisa não tem consequências de maior, que se presta apenas a uma ou outra excentricidade folclórica.
Adolfo Mesquita Nunes Profundamente europeísta e convictamente antifederalista  16.07.2018 Adolfo Mesquita Nunes 185
Se a União Europeia tivesse resolvido parte das suas questões existenciais, estaria hoje em condições de responder a Trump com a autoridade de quem conhece o seu estatuto, tem o seu rumo e não tolera provocações.