Cronista
Bruno Faria Lopes Jornalista da revista Sábado
Opinião Uma oportunidade perdida 15.10.2017 Bruno Faria Lopes
Opinião Quatro lições por 400 milhões 14.09.2017 Bruno Faria Lopes
Bruno Faria Lopes Marcelo chega atrasado, mas ainda vai a tempo  19.10.2017 Bruno Faria Lopes
Depois de duas tragédias, o Presidente entra no debate importante no pós-crise: como anda a ser usada a margem orçamental e qual o impacto das escolhas governativas nos serviços públicos prestados por um Estado que arrecada uma colecta recorde de impostos.
Bruno Faria Lopes Uma oportunidade perdida 15.10.2017 Bruno Faria Lopes 31
O Governo, sem surpresa, escolheu claramente aproveitar a ajuda da economia para cumprir serviços mínimos na consolidação orçamental.
Bruno Faria Lopes 3.908 páginas sobre uma cultura de saque 12.10.2017 Bruno Faria Lopes 331
Mesmo sabendo o que sabemos sobre a era de José Sócrates, ler a lista de alegados crimes e o modus operandi dos alegados corruptores e corrompidos na acusação do Ministério Público é um exercício de espanto.
Bruno Faria Lopes Catalunha: insurreição sem legitimidade 05.10.2017 Bruno Faria Lopes 29
Menos de 40% dos eleitores catalães votaram "sim" no "referendo" sobre a independência da Catalunha. O "referendo" é para escrever mesmo assim, entre aspas: não só foi condicionado pela acção de Madrid, como produziu resultados não auditados e em que ninguém pode acreditar.
Bruno Faria Lopes A crise no SNS que ninguém quer resolver  28.09.2017 Bruno Faria Lopes 52
Portugal não está em crise, mas há crises em Portugal. A da Saúde é uma delas. A resolução dos problemas de fundo nesta área prioritária só é possível com escolhas duras que ninguém neste ciclo político quer assumir.
Bruno Faria Lopes Eleições alemãs: muita esperança, pouca uva 21.09.2017 Bruno Faria Lopes
Alemanha e França partilham uma responsabilidade e não deixarão cair a sua relação, mas os avanços na governação europeia serão muito mais graduais e menos ambiciosos do que o clima actual parece sugerir.
Bruno Faria Lopes Quatro lições por 400 milhões 14.09.2017 Bruno Faria Lopes 25
A Caixa Geral de Depósitos encaixou 1.263 milhões com a privatização da Fidelidade em 2014? Sim - mas isso não conta a história toda.
Bruno Faria Lopes O PS não quer governar sozinho? Não é estranho: é sinal dos tempos 07.09.2017 Bruno Faria Lopes 45
Será António Costa o primeiro líder político - "pelo menos onde exista vida terrestre", como escreveu há uma semana Ana Sá Lopes no Sol - a não querer uma maioria absoluta?
Bruno Faria Lopes Os cadernos e as cadernas do nosso descontentamento 31.08.2017 Bruno Faria Lopes 1796
Se a cultura é discriminatória, se o Estado tem legitimidade para interferir, e se o faz apenas através de uma recomendação, é razoável concluir que o desfecho do caso dos cadernos da Porto Editora está longe de nos aproximar da "barbárie" por aí pré-anunciada.
Bruno Faria Lopes Os semideuses de Jackson Hole e a política portuguesa 24.08.2017 Bruno Faria Lopes
Para perceber onde está o centro do poder portuguesa na política pós-crise global financeira convém não olhar só para o que acontece no parlamento, os gabinetes ministeriais ou o palácio do Presidente – tão ou mais importante do que isso é olhar para as montanhas do remoto estado norte-americano do Wyoming.