Assinatura Digital. Negócios Primeiro Para ler tudo faça LOGIN ou ASSINE
Camilo Lourenço
Camilo Lourenço 02 de fevereiro de 2016 às 21:00

Solução? Óbvio: aumentar os impostos

À medida que passam os dias, vai ficando clara a dimensão do fosso que separa Lisboa de Bruxelas. Ontem a pressão escalou, depois das declarações de Jean-Claude Juncker, presidente da Comissão, e Pierre Moscovici, comissário dos Assuntos Económicos.

O primeiro disse estar "muito preocupado" com o orçamento para 2016 e o segundo pediu "bom senso" na gestão das finanças públicas.

Assinatura Digital. Negócios Primeiro
Para ler tudo faça LOGIN ou ASSINE
Análise, informação independente e rigorosa.
Para saber o que se passa em Portugal e no mundo,
nas empresas, nos mercados e na economia.
  • Inclui acesso ao ePaper, a versão do Negócios tal como é impresso em papel. Veja aqui.
  • Acesso ilimitado a todo o site negocios.pt
  • Acesso ilimitado via apps iPad, iPhone, Android e Windows
Saiba mais
A sua opinião501
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
mais votado Anónimo 03.02.2016

Está de regresso ao governo a malta da bancarrota… para dar mais dinheiro à malta dos direitos adquiridos.

comentários mais recentes
Ant+onio Pinto 03.02.2016

O Negócios, jornal com reputação irrepreensível, já analisou as atitudes de camilo Lourenço nos ataques à democracia? De ideias retrogradas, saudosista de tempos idos não tem lugar para dar opiniões neste digno jornal.
É um idiota, um incompetente, um vassalo da ultra direita..

Ant+onio Pinto 03.02.2016

O Negócios, jornal com reputação irrepreensível, já analisou as atitudes de camilo Lourenço nos ataques à democracia? De ideias retrogradas, saudosista de tempos idos não tem lugar para dar opiniões neste digno jornal.
É um idiota, um incompetente, um vassalo da ultra direita..

PUPM 03.02.2016

Que pouca vergonha deste camaleão de nomes, em comentários. Multiplica-se e repete comentários estúpidos. Vou dar-lhe o mesmo remédio..

PUPM 03.02.2016

Que pouca vergonha deste camaleão de nomes, em comentários. Multiplica-se e repete comentários estúpidos. Vou dar-lhe o mesmo remédio..

ver mais comentários
Notícias só para Assinantes
Exclusivos, análise, informação independente e credível. Para saber o que se passa em Portugal e no mundo, nas empresas, nos mercados e na economia. Inclui acesso à versão ePaper.
Mais uma forma de ler as histórias
da edição impressa do Negócios.
Se ainda não é Assinante Saiba mais
pub
pub
pub