Manuel Falcão A esquina do Rio 10:38 Manuel Falcão
Olhando para os últimos dias, verifico que os melhores trabalhos de reportagem sobre a catástrofe dos incêndios estiveram em jornais impressos ou em sites de informação, nomeadamente no Observador.
João Quadros Pedrógão Enorme 09:00 João Quadros 715
É muito triste escrever sobre o tema desta semana. É triste e monótono. Incêndios em Portugal. Andamos há anos nisto. Gastámos milhões num tal de SIRESP que, em termos de comunicações, acabou por ser como o meu pai com o telemóvel. Dezasseis horas incontactável porque estava no modo silencioso.
Camilo Lourenço A surpreendente desorientação de António Costa  00:01 Camilo Lourenço 2000
Tudo parecia correr de feição. A economia melhorava, o défice caía, o PDE já era, o desemprego despencava, o investimento subia... enfim, uma passadeira estendida ao Governo.
Armando Esteves Pereira Pobre país a arder 00:01 Armando Esteves Pereira
Demonizar o eucalipto num país que tem uma indústria tão importante é simplesmente estúpido, mas é fundamental criar corredores ecológicos que sirvam também para travões naturais das chamas.
Ontem
Bruno Faria Lopes Pedrógão é, também, uma história de finanças públicas 22.06.2017 Bruno Faria Lopes
Só a recomposição da despesa pode abrir espaço orçamental a boas soluções para áreas vitais, como a dos incêndios.
Fernando Ilharco Quando dar o melhor não chega 22.06.2017 Fernando Ilharco
Ninguém duvida de que os profissionais envolvidos no combate aos incêndios na tragédia dos últimos dias, desde os bombeiros e agentes da GNR até aos técnicos das várias entidades e aos muitos voluntários, deram o seu melhor.
Cristina Casalinho Revolução industrial 4.0 22.06.2017 Cristina Casalinho
Elon Musk (Tesla Motors), a Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Económico (OCDE) e a Finlândia partilham a apologia do rendimento básico incondicional ou universal.
Camilo Lourenço Confirma-se: os "ajustamentos" são bons para Portugal  22.06.2017 Camilo Lourenço 551
O Banco de Portugal diz que a economia está a crescer ao ritmo mais elevado desde 2000, puxado pela procura externa. Ou seja, exatamente o oposto do previsto pelo Governo quando apresentou o seu programa (crescimento pelo consumo).
Anteontem
Pedro Santana Lopes A região centro  21.06.2017 Pedro Santana Lopes 382
Estou farto de ver as lágrimas de crocodilo ou lágrimas mesmo sentidas por aqueles que acordam sempre depois de as coisas acontecerem.
José M. Brandão de Brito Uma estratégia transformadora para a Europa 21.06.2017 José M. Brandão de Brito
Para a Europa, o sucesso depende da capacidade de se mobilizar em torno de um projeto, que não ferindo o seu âmago identitário, tire partido das novas oportunidades.
pub
pub