Rui Barroso
Rui Barroso 12 de setembro de 2017 às 20:55

Brexit finta táctica dos clubes da Premier League

É uma das ligas de futebol mais ricas do mundo. Os contratos multimilionários de direitos televisivos permitem à Premier League ser uma das competições que mais investem nas contratações de jogadores.

E, mesmo com a incerteza em torno do Brexit, os clubes ingleses não tiveram problemas em pulverizar recordes de transferências. Mas a saída do Reino Unido da União Europeia está a preocupar os responsáveis pelo futebol inglês.

Segundo a Bloomberg, existem estimativas de que a desvalorização da libra teve um impacto de 138 milhões de dólares na factura com transferências. E os responsáveis do futebol inglês temem que a divisa mais fraca torne as equipas menos competitivas no futuro face às rivais espanholas, italianas, francesas e alemãs, o que poderia comprometer o nível do espectáculo e, consequentemente, as receitas televisivas obtidas. Além disso, citados pela Bloomberg, mostram preocupação com eventuais restrições à imigração e à contratação de jogadores de outros países europeus.


A questão do Brexit está a começar a ficar patente em alguns contratos de clubes ingleses com jogadores, segundo advogados citados pela Bloomberg. É que, no meio da incerteza, não querem ser driblados por este processo.

 

Jornalista

A sua opinião0
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
pub