Rui Barroso
Rui Barroso 31 de janeiro de 2017 às 19:43

Buffett de regresso às compras na era Trump

Assumiu-se como apoiante de Hillary Clinton nas presidenciais, mas defendeu que a sua visão de longo prazo para a economia americana era positiva independentemente de quem ganhasse as eleições.

Mas, após a vitória de Trump, a actividade de Buffett na bolsa disparou. O Oráculo de Omaha revelou, numa entrevista citada pela Bloomberg, que desde as eleições as compras líquidas de acções por parte da sua empresa, a Berkshire Hathaway, totalizaram 12 mil milhões de dólares. Segundo a agência financeira, transacções destes valores implicam um significativo aumento da actividade da Berkshire Hathaway.

A reacção do mercado à vitória de Trump, com ganhos nas bolsas, apanhou alguns investidores, como George Soros, desprevenidos. Este multimilionário, que também apoiava Clinton, tinha posicionado a carteira para uma descida das acções e subida de activos mais defensivos.

Já Buffett aparenta estar a entrar na festa que Wall Street vive, em que os níveis de euforia aumentaram desde as eleições nos EUA, com o Dow Jones e o S&P 500 a baterem máximos. Será que Buffett está a contrariar a sua própria regra de ser cauteloso quando os outros estão a ser gananciosos e ganancioso quando os outros estão a ser receosos?              

 

Jornalista

A sua opinião1
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
comentários mais recentes
Eduardo Há 3 semanas

Amigo! Os melhores traders de bolsa não ligam à ideologia, religião, futebol, sexo, amizades e cunhas, apenas fazem surf ao sabor das ondas de elliot ;-)