Assinatura Digital. Negócios Primeiro Para ler tudo faça LOGIN ou ASSINE
Camilo Lourenço
Camilo Lourenço 21 de setembro de 2017 às 21:30

José Sócrates deixou grandes discípulos

O Institute of Public Policy (IPP) publicou esta semana um documento no qual defende uma consolidação orçamental menos agressiva do que a que vem sendo seguida pelo Governo.

Há duas questões interessantes na iniciativa. A primeira é o "timing": surge no momento mais delicado das negociações entre o Governo e os partidos de extrema-esquerda que o sustentam que querem aumentar a despesa.

Assinatura Digital. Negócios Primeiro
Para ler tudo faça LOGIN ou ASSINE
Análise, informação independente e rigorosa.
Para saber o que se passa em Portugal e no mundo,
nas empresas, nos mercados e na economia.
  • Inclui acesso ao ePaper, a versão do Negócios tal como é impresso em papel. Veja aqui.
  • Acesso ilimitado a todo o site negocios.pt
  • Acesso ilimitado via apps iPad, iPhone, Android e Windows
Saiba mais
A sua opinião21
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
comentários mais recentes
Anónimo Há 3 dias

acho que ele vai ser convidado pelo LF Orelhas para dar o mestrado la na universidade do fifike no xeixal. O Costa vai mandar fazer um tgv directo da carregueira com paragem unica no xeixal

Pricemt Há 4 dias

É lamentável a parcialidade de vários dos comentadores aqui presentes, diz o Sr. Saraiva " o que esperar da canalha*em de esquerda" e os senhores o Oliveira e Costa, o Duarte Lima (este até indiciado por assassínio! ), Dias loureiro, Valentim Loureiro e por ai adiante?

Anónimo Há 1 semana

Acabou-se a vida flauteada ao Bosta, digo, Costa ! A pandilha socialista no seu melhor está a ficar sem tapete por causa dos escândalos dos seus "amigos" . O bloco e o pc fazem-se de mortos... O primeiro Primeiro-ministro de Portugal acusado de 31 crimes tinha que ser...socialista ! Ai Costa...

saraiva14 Há 1 semana

Oh, Camilo! O que é que tu esperas da cana*lhagem de Esquerda!? São sempre mais do mesmo! Nunca falham! A receita é sempre a mesma! Sempre para a frente até à derrocada final!

ver mais comentários
Notícias só para Assinantes
Exclusivos, análise, informação independente e credível. Para saber o que se passa em Portugal e no mundo, nas empresas, nos mercados e na economia. Inclui acesso à versão ePaper.
Mais uma forma de ler as histórias
da edição impressa do Negócios.
Se ainda não é Assinante Saiba mais
pub
pub
pub