Assinatura Digital. Negócios Primeiro Para ler tudo faça LOGIN ou ASSINE
Camilo Lourenço
Camilo Lourenço 13 de Dezembro de 2016 às 00:01

Milagres é mais em Fátima 

Os juros portugueses encostaram ontem nos 4%. As taxas de outros países do euro também subiram, mas sem chegarem ao "pico" português.

As subidas são atribuídas à decisão do Banco Central Europeu de reduzir as compras de dívida de 80 para 60 mil milhões de euros/mês (no âmbito do QE - "quantitative easing"). A decisão entra

Assinatura Digital. Negócios Primeiro
Para ler tudo faça LOGIN ou ASSINE
Análise, informação independente e rigorosa.
Para saber o que se passa em Portugal e no mundo,
nas empresas, nos mercados e na economia.
  • Inclui acesso ao ePaper, a versão do Negócios tal como é impresso em papel. Veja aqui.
  • Acesso ilimitado a todo o site negocios.pt
  • Acesso ilimitado via apps iPad, iPhone, Android e Windows
Saiba mais
A sua opinião72
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
comentários mais recentes
Porque chegamos a uma divida tão grande?Culpados? Há 5 dias

Verdadeiramente eu não entendo, como se pode ser sucesso numa actividade quando esse sucesso está fundamentado em propaganda enganosa e os objectivos não são nenhuns. Que queremos para o país que tem uma divida de 240 mil milhões e uns juros que teimam em subir? Sorrir cinicamente?

OH CAMILO, SACA LÁ OUTRO PANFLETO Há 5 dias

A MALHAR NOS SOCIALISTAS - VÁ LÁ, PÁ!

Acusações ao PAF, são falsas, as ideias são outras Há 5 dias

Para seu conhecimento, seu camaleão, a PAF ganhou as eleições e os portugueses não queriam o PS a governar. Está lembrado? A PAF não pediu ao PS para resolver os problemas do país,tinham ideias próprias e estavam no bom caminho,reconhecido por toda a Europa e Mundo.Distorcer a realidade, é falsidade

Anónimo Há 5 dias

Encostaram nos 4% ? Foi como um daqueles "encostos" que um gajo dá numa gaja boa e ela gosta ..

ver mais comentários
Notícias só para Assinantes
Exclusivos, análise, informação independente e credível. Para saber o que se passa em Portugal e no mundo, nas empresas, nos mercados e na economia. Inclui acesso à versão ePaper.
Mais uma forma de ler as histórias
da edição impressa do Negócios.
Se ainda não é Assinante Saiba mais
pub
pub
pub