Tiago Freire
Tiago Freire 23 de dezembro de 2016 às 09:16

O centro de Merkel e o "Eu avisei" de Donald Trump

Já há foto do suspeito do atentado em Berlim, mas isso é matéria policial e não política. Às vidas que se perderam num mercado de Natal, as mais importantes e irrecuperáveis, junta-se uma vítima ideológica que pode ou não sobreviver: o centro político.

No Guardian, Timothy Garton Ash posiciona bem a questão. "É demasiado cedo para dizer com exactidão o que esteve por trás do ataque, mas não para descrever o desafio que ele coloca. Em termos muitos simples, é isto: aguentará o centro?".

Garton Ash lembra que os terroristas e os populistas - sobretudo de extrema-direita - se fortalecem mutuamente, e que até agora o centro não tem dado mostras de conseguir resistir à mensagem do medo e da agressão. A Alemanha tem eleições em 2017, Merkel está acossada, mas Garton Ash tem esperança, e elenca vários argumentos para defender que o país está mais bem preparado que outros para resistir a uma deriva xenófoba. Um dos argumentos, obviamente, é a memória colectiva do nazismo.

No El País, Javier Sampedro escreve um artigo irado e cru, pegando na morte de Henry Heimlich, inventor da manobra com o seu nome. Heimlich, norte-americano, faleceu na semana passada aos 96 anos, mas os seus contributos salvaram milhares de vidas ao longo dos anos. "Doze mortos? Sabem quantas vidas salvou Heimlich? São centenas de milhares, senão milhões. Os dementes que conduzem camiões não podem nem sonhar com números destes", afirma. E conclui: "sempre salvaremos mais vidas do que esses dementes conseguem tirar".

Quem também está irado é Donald Trump, que aproveitou o atentado de Berlim para lembrar que já tinha avisado contra a necessidade de controlar os imigrantes e de ser mais duro na luta contra o terrorismo. O Politico cita o novo presidente americano: "Vocês conhecem os meus planos desde o início. E provou-se que eu estava certo, 100% certo. O que está a acontecer é trágico".

Como se trava? Vamos ver o que fará Donald Trump.


A sua opinião4
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
mais votado Anónimo 23.12.2016


Ladrões PS - PCP - BE - FP - CGA - - ROUBAM OS TRABALHADORES E PENSIONISTAS DO PRIVADO


Novas pensões mínimas serão sujeitas a prova de rendimento...

para se gastar mais dinheiro com os subsídios às pensões douradas da CGA.


As pensões douradas da CGA são SUBSIDIADAS em 500€, 1000€, 1500€ e mais… POR MÊS.

ESTAS PENSÕES SIM, DEVEM TER CORTES IMEDIATOS.


comentários mais recentes
Ciifrão 24.12.2016

Ser moralista na praça pública sempre foi uma tentação perversa, em nome da segurança e da moral institui-se a insegurança e a imoralidade.

surpreso 23.12.2016

Este "politicamente correcto" dos instalados não evita a morte de inocentes.Os assassinos foram sempre "assinalados".É a extrema-direita quem vai estabelecer regras e métodos para "garantir" a segurança.Depois,não se queixem

ivan 23.12.2016

A culpa por ter existido o nazismo não é de Hitler, mas do povo alemão. A culpa do terrorismo não é de Merkel, mas do povo alemão, porque apoia essa invasão de muçulmanos, arquitetada por Merkel. Portanto, esse povo alemão merece ser exterminado, e essa tarefa já está sendo executada por Merkel.

Anónimo 23.12.2016


Ladrões PS - PCP - BE - FP - CGA - - ROUBAM OS TRABALHADORES E PENSIONISTAS DO PRIVADO


Novas pensões mínimas serão sujeitas a prova de rendimento...

para se gastar mais dinheiro com os subsídios às pensões douradas da CGA.


As pensões douradas da CGA são SUBSIDIADAS em 500€, 1000€, 1500€ e mais… POR MÊS.

ESTAS PENSÕES SIM, DEVEM TER CORTES IMEDIATOS.


pub
Saber mais e Alertas
pub
pub