Assinatura Digital. Negócios Primeiro Para ler tudo faça LOGIN ou ASSINE
Camilo Lourenço
Camilo Lourenço 02 de outubro de 2017 às 20:40

O PCP meteu-se num molho de brócolos 

O PCP saiu da noite eleitoral com menos dez câmaras. Algumas delas, como Almada, Barreiro, Alcochete, Barrancos e Beja, de grande simbolismo. 

Não se tratasse do PCP e já haveria barões a criticar as opções do secretário-geral, nomeadamente o apoio ao Governo. E se não fosse o PCP, a cabeça de Jerónimo estaria agora a pré

Assinatura Digital. Negócios Primeiro
Para ler tudo faça LOGIN ou ASSINE
Análise, informação independente e rigorosa.
Para saber o que se passa em Portugal e no mundo,
nas empresas, nos mercados e na economia.
  • Inclui acesso ao ePaper, a versão do Negócios tal como é impresso em papel. Veja aqui.
  • Acesso ilimitado a todo o site negocios.pt
  • Acesso ilimitado via apps iPad, iPhone, Android e Windows
Saiba mais
A sua opinião26
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
mais votado manuelfaf 03.10.2017

Segundo o seu artigo, os partidos que não estão no governo devem lutar pelo mal do país. Assim depois podem aparecer como salvadores. Embora as pessoas por vezes vão nessa cantiga, parece que não foram tantas assim.
Os partidos políticos devem sempre lutar pelo bem do país e nunca por o seu partido ou poleiro de "dolce far niente". Infelizmente cada vez jornalistas esquecem que os deputados são funcionários públicos e não actores de uma novela ou concorrentes do Big Brother. É preciso que trabalhem, queimem as pestanas, analisem, apresentem propostas concretas no papel.

comentários mais recentes
JR 06.10.2017

Num molho de bróculos andas tu atado há já muito tempo. Aceito a lei da sobrevivência.

Anónimo 03.10.2017

O autor como habitualmente é intelectualmente desonesto porque o que deveria dizer é que ao contrário do que apregoa que o eleitorado da CDU é retrogado deveria dizer que em certas eleições vota noutras áreas políticas. O mesmo fez o eleitorado do PSD que votou em massa no CDS ou não?

Anónimo 03.10.2017

Julgo que o PSD dá mais valor ao Costa cangalheiro do PCP e BE do que propriamente à sua derrota. Isto para a direita foi a maior Vitória desde o 25/4/74.

Miguel 03.10.2017

Toda a gente confunde tudo, desde os eleitores aos comentadores. Só os políticos é que não. Não há ideologias na gestão municipal. O PSD tem presidentes excelentes e outros muito maus, como têm todos, menos o BE que não tem nenhum dos dois. Não se ganham câmaras, perdem-se. Metade dos votantes votam nas autárquicas pelo que faz o governo central. Que valor tem um presidente do PS, ou de outro partido, que ganhou uma camara, se nunca antes esteve à frente de nenhuma? É uma grande vitória do partido? Por favor! Se em vez de palhaços fossem sérios e se em vez de falarem, trabalhassem, teríamos um país mais evoluído e melhor.

ver mais comentários
Notícias só para Assinantes
Exclusivos, análise, informação independente e credível. Para saber o que se passa em Portugal e no mundo, nas empresas, nos mercados e na economia. Inclui acesso à versão ePaper.
Mais uma forma de ler as histórias
da edição impressa do Negócios.
Se ainda não é Assinante Saiba mais
pub