Assinatura Digital. Negócios Primeiro Para ler tudo faça LOGIN ou ASSINE
Camilo Lourenço
Camilo Lourenço 19 de Outubro de 2016 às 00:01

Protestam, protestam, mas não fazem nada

Sempre me fez impressão a deferência dos empresários para com o poder político. E o pior é que não é coisa deste regime, nem sequer do anterior. Tem centenas de anos. Mas fiquemos pelo presente, até pela importância que tem na nossa vida coletiva.

Os patrões da Associação Empresarial de Portugal (AEP) estão desagradados com o peso da fiscalidade na riqueza nacional. Em sua opinião, a carga fiscal "penaliza as condições de crescimento, nomeadamente

Assinatura Digital. Negócios Primeiro
Para ler tudo faça LOGIN ou ASSINE
Análise, informação independente e rigorosa.
Para saber o que se passa em Portugal e no mundo,
nas empresas, nos mercados e na economia.
  • Inclui acesso ao ePaper, a versão do Negócios tal como é impresso em papel. Veja aqui.
  • Acesso ilimitado a todo o site negocios.pt
  • Acesso ilimitado via apps iPad, iPhone, Android e Windows
Saiba mais
A sua opinião71
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
mais votado martinsvitor87a Há 2 semanas

Todos a contar com os subsídios, que pagamos todos

comentários mais recentes
Anónimo Há 2 semanas

Causa me nojo, a cara deste, que só posso comparar a nojo idêntico causado pelo actual Presidente da lagartagem; enquanto ambos ou um de cada vez não forem banidos dos nossos jornais ou TVs, as pessoas de bem deste País não vão ter descanso.

Anónimo Há 2 semanas


FP . CGA – 40 ANOS A ROUBAR OS TRABALHADORES E PENSIONISTAS DO PRIVADO


400 milhões de Euros para aumentar as pensões mínimas, são migalhas em comparação com...

os mais de 4600 milhões de euros que o Estado injetou, em 2015 (e injeta todos anos) através de transferências diretas do Orçamento do Estado (ou seja, com dinheiro pago em impostos pelos restantes portugueses) para assegurar o financiamento do buraco anual das pensões da CGA.

jonyk Há 2 semanas

BORA KAMELO vamos partir esta MER DA toda. Bem te vi na MANIF contra a TSU do PASSOS de cravo ao peito.

Deixe de se enganar a si mesmo, vigarista Há 2 semanas

Oh seu camaleão comunista deixe dessa mer da que foram gastos milhões na escola provada. É falso e você está a enganar a si mesmo. Se não fosse gasto na privada o estado teria gasto na mesma. O tribunal de contas, diz que os alunos na privada ficavam mais baratos no que no público

ver mais comentários
Notícias só para Assinantes
Exclusivos, análise, informação independente e credível. Para saber o que se passa em Portugal e no mundo, nas empresas, nos mercados e na economia. Inclui acesso à versão ePaper.
Mais uma forma de ler as histórias
da edição impressa do Negócios.
Se ainda não é Assinante Saiba mais
pub
pub
pub