Rui Barroso
Rui Barroso 12 de julho de 2017 às 20:21

Singer desafia Buffett a quebrar uma regra de ouro

Warren Buffett tem explicado ao longo das décadas quais as regras de ouro que regem os seus investimentos e que lhe permitiram tornar-se num dos investidores mais famosos do mundo.

Mas os mandamentos do Oráculo de Omaha estão a ser desafiados por Paul Singer, conhecido pela alcunha de "abutre" da Argentina. Buffett fechou um acordo para comprar a eléctrica Energy Future Holdings, que passa por dificuldades financeiras, por 9.000 milhões de dólares. O negócio permitiria à divisão de energia da Berkshire assumir o controlo da Oncor, uma das maiores eléctricas do Texas. Mas Singer, que é o maior credor da empresa, defendeu que a proposta é baixa e ameaça lançar uma oferta com valores mais elevados. O que cria um dilema a Buffett já que, como notou o Wall Street Journal, o investidor estipulou como um dos critérios para as aquisições da Berkshire Hathaway nunca entrar em leilões. Neste jogo de milhares de milhões, Singer até pode estar a fazer "bluff" para pressionar o Oráculo. Mas Buffett já demonstrou no passado que cumpre com as suas regras de ouro e abandona negócios ameaçados por uma guerra de preços ou que são declarados hostis. Talvez seja essa disciplina uma das grandes explicações para o sucesso de Buffett na hora de investir.

A sua opinião0
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
pub