Rui Barroso
Rui Barroso 13 de fevereiro de 2017 às 19:56

Trump está a assustar os credores dos EUA?

Os maiores credores dos EUA parecem estar a ficar com um pé atrás em relação à dívida da maior economia do mundo. A China tem vindo a reduzir o valor das obrigações americanas detidas desde Maio.

Em Novembro o montante aplicado (cerca de um bilião de dólares) era o mais baixo dos últimos sete anos, segundo a Bloomberg.

 

E o Japão anunciou a maior descida mensal em quase quatro anos no investimento de residentes em dívida americana, segundo dados da Bloomberg. O corte foi de 21,3 mil milhões de dólares em Dezembro. Ainda assim, as aplicações dos nipónicos  são de cerca de 1,1 biliões de dólares. As gestoras de activos japonesas citadas pela Bloomberg justificam a descida com a incerteza política e com os potenciais efeitos que o expansionismo orçamental de Trump poderá ter na dívida do país. Ainda assim, os estrangeiros detêm 5,94 biliões de dólares em dívida americana, 43% do total. Um valor elevado e que deveria fazer que tanto os credores como o devedor tivessem uma actuação que impedisse grandes oscilações neste mercado. Mas com as críticas de Trump às políticas de países como o Japão e a China aquela quota irá manter-se ou o financiamento do "America First" ficará principalmente a cargo dos próprios americanos?

 

Jornalista

A sua opinião3
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
comentários mais recentes
Pedromfg 14.02.2017

A estória dos milhões não é assim tão linear.

Em Portugal 1 bilião é 1 milhão de milhões 1x10^12

Nos Estados unidos, é que 1 bilião é mil milhões -> 1000. 000. 0000 = 10^9

Julgo que o autor está a usar americanizar, como é costume nestas noticias o número dos biliões.

Em Portugal 1 trilião ainda é 10^18 = 1.000.000.000.000.000.000

Caro anónimo, parece-me um número um bocado grande... A não ser que seja Brazileiro, já que usam o mesmo sistema de contagem americanizado

jose 13.02.2017

Se não fosse Barros, era parvo ou tonto. É o mesmo. Já há mais de um ano, que a China vem vendendo dívida pública americana, muito antes de Trump chegar ao poder. A razão é uma só: a desvalorização permanente do Yuan tem sido segura, através da venda de dólares. Pobre jornaleiros tugas.

Anónimo 13.02.2017

Triliões.....não biliões!!!!! Mau jornalismo.....