Martin  Feldstein : Nova esperança para a Índia
As recentes eleições na Índia podem ser a melhor notícia de 2014 para a economia do país. Os eleitores indianos rejeitaram o partido do Congresso, que governou a Índia praticamente sem interrupções desde que o país conseguiu a independência do Reino Unido em 1947. E é provável que um dia se alegrem por tê-lo feito.
Hans-Werner Sinn : Os obstáculos ao livre comércio
O Acordo Transatlântico de Comércio e Investimento (TTIP, na sigla em inglês) que, actualmente, é objecto de intensas negociações entre a União Europeia (UE) e os Estados Unidos, está a causar um grande choque.
Naderev Saño : Os grandes emissores de dióxido de carbono e a justiça climática
Um estudo pioneiro publicado no passado mês de Novembro revelou que as actividades de apenas 90 produtores de carvão, petróleo, gás e cimento – apelidados de "grandes emissores de dióxido de carbono" – foram responsáveis por 63% do total de emissões desde a Revolução Industrial.
11:34 | Yu Yongding
Yu Yongding : O "trilema" da China
O economista e prémio Nobel Robert Mundell demonstrou que uma economia pode manter duas – mas apenas duas – de três características fundamentais: independência da política monetária, taxa de câmbio fixa e fluxos de capital de livre circulação. Mas a China está, actualmente, a fazer malabarismos com as três – uma atitude que se está a tornar cada vez mais difícil de manter.
21 de Julho | Nouriel Roubini
Nouriel Roubini : Dívidas soberanas e credores abutres
Tal como acontece com as pessoas, corporações e outras empresas privadas que dependem dos processos de falência para reduzirem um excessivo encargo da dívida, os países por vezes também precisam de uma redução ou reestruturação ordenada da dívida.
17 de Julho | Koichi Hamada
Koichi Hamada : O "olho de touro" de Abe
O primeiro-ministro japonês Shinzo Abe revelou a sua estratégia de crescimento há muito aguardada – a chamada "terceira seta" daquilo que ficou conhecido como "Abenomics".
17 de Julho | Yuriko Koike
Yuriko Koike  : Como acabar com uma insurgência
Quando o movimento de guerrilha Frente Moro de Libertação Islâmica (MILF, na sigla em inglês) pegou em armas nas Filipinas, na década de 60, Ferdinand Marcos ainda não se tinha tornado presidente do país – e muito menos ditador.
17 de Julho | Masahiro Matsumura
Masahiro Matsumura : O ressurgimento dos senhores da guerra
Em Dezembro passado, o mundo ficou chocado com a execução, decretada pelo governo norte-coreano, de Chang Song-thaek, tio do jovem líder supremo Kim Jong-un e segundo dirigente do regime.
17 de Julho | Martin Kenney
Martin Kenney : O problema da espionagem de Silicon Valley
Numa carta enviada recentemente ao presidente dos Estados Unidos da América (EUA), Barack Obama, o CEO da Cisco Systems, John Chambers, pediu que a Agência de Segurança Nacional (NSA, na sigla inglesa) pare de interceptar os produtos da empresa para instalar dispositivos para espiar clientes estrangeiros.
15 de Julho | Jeffrey D. Sachs
Jeffrey D. Sachs : A nossa última oportunidade para um planeta seguro
Já quase não resta tempo à humanidade para combater as alterações climáticas. Os cientistas salientaram que um aumento da temperatura em dois graus Celsius acima dos níveis pré-industriais colocará o planeta num terreno perigoso e desconhecido.
economistas Em colaboração com Project Syndicate
  • As recentes eleições na Índia podem ser a melhor notícia de 2014 para a economia do país. Os eleitores indianos rejeitaram o partido do Congresso, que governou a Índia praticamente sem interrupções desde que o país conseguiu a independência do Reino Unido em 1947. E é provável que um dia se alegrem por tê-lo feito.
  • O Acordo Transatlântico de Comércio e Investimento (TTIP, na sigla em inglês) que, actualmente, é objecto de intensas negociações entre a União Europeia (UE) e os Estados Unidos, está a causar um grande choque.
  • Um estudo pioneiro publicado no passado mês de Novembro revelou que as actividades de apenas 90 produtores de carvão, petróleo, gás e cimento – apelidados de "grandes emissores de dióxido de carbono" – foram responsáveis por 63% do total de emissões desde a Revolução Industrial.
  • O economista e prémio Nobel Robert Mundell demonstrou que uma economia pode manter duas – mas apenas duas – de três características fundamentais: independência da política monetária, taxa de câmbio fixa e fluxos de capital de livre circulação. Mas a China está, actualmente, a fazer malabarismos com as três – uma atitude que se está a tornar cada vez mais difícil de manter.
  • Tal como acontece com as pessoas, corporações e outras empresas privadas que dependem dos processos de falência para reduzirem um excessivo encargo da dívida, os países por vezes também precisam de uma redução ou reestruturação ordenada da dívida.
14 de Julho | Jean Pisani-Ferry
Jean Pisani-Ferry : Uma cura francesa
A França é considerada, em todo o mundo, um país que não conseguiu abraçar a globalização nem modernizar o seu modelo económico e social. Os próprios cidadãos franceses estão mais pessimistas acerca do futuro do que alguma vez estiveram nas últimas décadas. A pergunta é: poderão os franceses traçar um caminho a seguir, dissipar o pessimismo, e reconstruir a prosperidade?
11 de Julho | Michael Spence
Michael Spence : Reiniciar a China
Apesar da desaceleração da China ser amplamente discutida, o crescimento anual do produto interno bruto (PIB) chinês permanece acima de 7%, o que não implica motivos para alarme - pelo menos por enquanto.
Richard Lambert e John Springford  : Um isolamento esplêndido?
A adesão à União Europeia acorrentou a economia britânica a um cadáver. O Reino Unido tem sido vinculado por uma série de burocracias onerosas a um grupo de economias moribundas, sem perspectivas de crescimento.
pub
pub