Assinatura Digital. Negócios Primeiro Para ler tudo faça LOGIN ou ASSINE
André  Veríssimo
André Veríssimo 31 de dezembro de 2014 às 00:01

Vamos a votos

Que o Estado continue a emagrecer para que seja mais eficiente e pese menos sobre a vida das famílias e empresas (será que o Governo ainda vai tirar a reforma do dito cujo da gaveta?). Que se libertem mais recursos para combater a desigualdade.

Que em 2015 se aposte mais na qualidade e estabilidade do ensino público. Que se invista na reciclagem de conhecimentos dos que ficaram excluídos do mercado de trabalho pela transformação do tecido económico.

Assinatura Digital. Negócios Primeiro
Para ler tudo faça LOGIN ou ASSINE
Análise, informação independente e rigorosa.
Para saber o que se passa em Portugal e no mundo,
nas empresas, nos mercados e na economia.
  • Inclui acesso ao ePaper, a versão do Negócios tal como é impresso em papel. Veja aqui.
  • Acesso ilimitado a todo o site negocios.pt
  • Acesso ilimitado via apps iPad, iPhone, Android e Windows
Saiba mais
A sua opinião11
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
mais votado surpreso1 30.12.2014

Os votos vão castigar o melhor PM ,depois do 25A,porque a desonestidade de jornalistas e "analistas" , manipulou a opinião pública.A responsabilidade e honestidade, foram deturpadas POR QUEM NUNCA OAPRESENTOU ALTERNATIVA,E NO CASO DO COSTA NÃO OFERECE NADA. PELO CONTRÁRIO ,OMITE AS RESPONSABILIDADES ENQUANTO Nª2 DO DESASTRE SÓCRATES

comentários mais recentes
Anónimo 02.01.2015

Acabar com o tribunal Constitucional, que continua a julgar em causa própria a defender com unhas e dentes os já muito privilegiados deste País.

joaquim26 02.01.2015

estamos num pais em que a esquerda e extrema esquerda colonizou.Arranjou uns bem instalados para propagar a mentira e o odia. Quando alguém diz o contrario é logo insultado. Felizmente nas urnas a maioria silenciosa coloca o PC e BE no seu sitio igual ou abaixo dos 10 %.
Passamos a vida a querer nivelar por cima e la vem o discurso da treta a querer nivelar por baixo. Assim como é uma treta ter que andar sempre a dar subsídios a quem não aparece para trabalhar nos trabalhos menos apelativos.Estao ocupados a meter apara veia

grsilva 02.01.2015

Continue a emagrecer ! ...continua a gordura com o despesismo pagos pelos impostos de quem trabalha.
A gordura com maior volume está na massa salarial do Estado , dizem os entendidos,... mas ainda há dias outros tantos como os dias do mês foram para casa com pensões mensais superiores a 5.000 Euros. E continuam as regalias as ajudas de custo e desloações para tudo e para nada, sim porque sabe-se que continue,ma inventar gatsos para continuar a compensar os "pequenos" aumentos, dizem que estavam habituados, alguém nestes 3 a anos pois termoa a isso ? E eu nem tenho jeito nem matéria para escrever mas esta coisa dos roubos que nos fazem para continuar com os luxos e despesismo do Estado dá-me volta aos pensamentos.. e consigo soltar palavras que se transforma num texto de raiva, de desacreditar, mas de força para castigar sem apelo nem agravo quem continua a não fazer leis que nos tirem deste despesismo... a culpa é dos politicos.. pois tirem-nos todos de lá sr. Presidente da República,.. obrigue a um contrato tripartidário e de regime e esteja o Sr. Presidente da República a chefiar e faça cumprir alterações legais que dispensem o tribunal constituicional, mas faça porque é preciso fazer... senão vamos todos ao fundo um dia. pois só nos faltam vender a alma..

grsilva 02.01.2015

Continue a emagrecer ! Eu vejo é mais impostos, cada vez mais impostos, e os impostos não tem nada a ver com emagrecimento, mas as gorduras continuam mais do que estavam antes. Se isso é emagrecer, continuamos a tapar os olhos com a peneira, se tivèssemos emagrecido nestes 3 , 4 anos já tínhamos os alicerces para o crescimento e investimento, mas não só nos cobraram mais impostos. "O que é que já se fez bem"? senão nos aumentarem os impostos, impostos e mais impostos , comentem a economia com verdade não a tapar os olhos com a peneira. Não nos vendam sonhos.. onde está o trabalho do detlahe da gordura? continua a gordura com o despesismo pagos pelos impostos de quem trabalha. ..

ver mais comentários
Notícias só para Assinantes
Exclusivos, análise, informação independente e credível. Para saber o que se passa em Portugal e no mundo, nas empresas, nos mercados e na economia. Inclui acesso à versão ePaper.
Mais uma forma de ler as histórias
da edição impressa do Negócios.
Se ainda não é Assinante Saiba mais
pub
pub
pub