Patrícia  Abreu
Patrícia Abreu 03 de janeiro de 2018 às 20:47

Depois da bitcoin, ripple é a próxima a brilhar?

As criptomoedas surpreenderam os investidores com valorizações estonteantes no último ano. Mas, depois de meses a fazer títulos de notícias, a bitcoin está a ceder parte do protagonismo à ripple, a segunda maior moeda virtual em valor de mercado.

A ripple atingiu pela primeira vez na sua história os 2,51 dólares, segundo dados da CryptoCompare, citados pela CNBC. Apenas numa semana, esta criptomoeda dispara 124%, depois de já ter escalado 39.600% no último ano. Ao contrário da bitcoin, a ripple criou uma moeda conhecida como a XRP, que é desenhada para empresas. Além disso, a ripple considera-se uma solução de pagamentos sem barreiras para as maiores instituições financeiras que usam a tecnologia "blockchain". Com os maiores grupos bancários a prepararem soluções com base nesta tecnologia disruptiva, a ripple pode assumir uma relevância cada vez mais significativa e superar o desempenho da popular bitcoin. Além disso, depois da escalada da bitcoin, os investidores podem tentar evitar "o olho do furacão", focando-se noutras criptomoedas menos conhecidas e com potencial para ganhos adicionais. Será que estamos a entrar no ano da ripple?

 

Jornalista

pub