Trading Broadcom faz proposta de 16 mil milhões pela CA e perde esse valor em bolsa

Broadcom faz proposta de 16 mil milhões pela CA e perde esse valor em bolsa

A fabricante de processadores Broadcom anunciou quarta-feira uma oferta de 18.900 milhões de dólares (16.187 milhões de euros) para a compra da empresa de software CA. Os investidores não gostaram do negócio e as acções da Broadcom perderam 19% na quinta-feira, retirando-lhe cerca de 19 mil milhões de dólares (16.273 milhões de euros) em valor de mercado.
Broadcom faz proposta de 16 mil milhões pela CA e perde esse valor em bolsa
Reuters
Pedro Curvelo 13 de julho de 2018 às 11:16

A fabricante de processadores Broadcom anunciou quarta-feira uma oferta de 18.900 milhões de dólares (16.187 milhões de euros) para a compra da empresa de software CA. Os investidores não gostaram do negócio e as acções da Broadcom perderam 19% na quinta-feira, retirando-lhe cerca de 19 mil milhões de dólares (16.273 milhões de euros) em valor de mercado.

A operação surpreendeu analistas e investidores, que não vêem vantagens na aquisição e os títulos da Broadcom viveram o pior dia de sempre. Já as acções da CA avançaram 18,5%, para os 44,10 dólares por título.

A Broadcom, sedeada em Singapura, tem crescido nos últimos anos através da aquisição de empresas rivais, mas viu o presidente norte-americano, Donald Trump, bloquear em Março uma OPA de 142 mil milhões de dólares (121,6 mil milhões de euros) sobre a Qualcomm.

Na quarta-feira, a fabricante de chips anunciou um acordo para a compra em dinheiro da CA a um preço de 44,50 dólares por acção.

"É a aquisição mais estranha, desfocada e não estratégica da última década", disse à Reuters Eric Schiffer, director-executivo da Patriach Organization, uma empresa de capital de risco.

Muitos bancos de investimento cortaram significativamente o preço-alvo para a Broadcom, tendo a corretora B Riley sido a mais pessimista, ao baixar o preço-alvo de 245 dólares para 63 dólares.



Conheça mais sobre as soluções de  trading online da DeGiro.