Trading Fundos de investimento focados na Índia e China foram os mais rentáveis no ano passado

Fundos de investimento focados na Índia e China foram os mais rentáveis no ano passado

Hedge funds tiveram em 2017 o melhor ano dos últimos quatro.
Fundos de investimento focados na Índia e China foram os mais rentáveis no ano passado
Reuters
Negócios 11 de janeiro de 2018 às 15:48

A nível global, os 'hedge funds' registaram um retorno médio de 8,5% em 2017, um crescimento de 3,1 pontos percentuais face ao resultado de 2016 (5,4%). Este foi o melhor ano desde 2013 e os campeões foram os fundos de investimento focados na Índia e China e os que apostaram em acções tecnológicas.

De acordo com o relatório de desempenho de hedge funds da eVestment, os retornos médios dos fundos focados na Índia foram de 35,01%, um disparo face aos 4,53% de 2016, e 3,87% de 2015. Já os fundos que apostaram na China tiveram uma rentabilidade média de 34,82% em 2017, depois de um desempenho negativo de 5,39% em 2016 e de 9,49% em 2015. 
 
Os hedge funds domiciliados no Reino Unido alcançaram retornos médios de 9,34% no ano passado, enquanto os sediados nos Estados Unidos chegaram aos 7,87%, e 7,08% na Europa.

 

Desde 2013 que os fundos de investimento globais não tinham retornos tão elevados, e os analistas referem que a aposta nas acções terá sido a principal razão para a melhor rendibilidade em quatro anos. Prova disso é que alguns fundos que apostaram em acções tecnológicas alcançaram retornos recorde, e muito acima da média, tais como o Whale Rock Capital (36,2%) e o Light Street Capital (38,6%).

 

Mas há quem avise que é preciso cautela. "Em 2017, os fundos de investimento, como estratégia, finalmente justificaram os custos de capital", afirmou o partner do hedge fund Paamco, Scott Warner, em declarações ao Financial Times. "Mas para começar realmente a gerar dinheiro de volta à classe de activos, vamos ter de ver um período de perfomance mais sustentado", avisou o mesmo especialista, acrescentando que a tendência verificada no ano passado não terá sido suficiente para anular as preocupações com comissões elevadas e retornos a longo prazo menos favoráveis destes produtos.



Conheça mais sobre as soluções de  trading online da DeGiro.