Trading Tesla dispara mais de 10% com contas surpreendentes e redenção de Musk

Tesla dispara mais de 10% com contas surpreendentes e redenção de Musk

As acções da Tesla reagem positivamente no primeiro dia após a apresentação de resultados da empresa. Os investidores encontram bons sinais nas margens do modelo mais recente e na atitude de Musk, que pediu desculpa pelas controvérsias.
Ana Batalha Oliveira
Ana Batalha Oliveira 02 de agosto de 2018 às 16:12
A Tesla está a brilhar em bolsa naquela que é a primeira sessão após a apresentação de resultados. A empresa liderada por Elon Musk (na foto) animou os investidores com números que sinalizam mais sustentabilidade para as contas anuais e com a atitude moderada do CEO, que pediu desculpa pelas últimas polémicas. 

Os títulos da fabricante automóvel seguem a valorizar 10,46% para os 332,31 dólares, um pouco abaixo dos 333,96 dólares que constituem o máximo da sessão. Há precisamente um mês que a Tesla não negociava em valores tão elevados: no passado 2 de Julho assistiu a uma queda acentuada na sequência de declarações controversas de Musk. 


Esta quarta-feira, a Tesla divulgou prejuízos acima do esperado mas reportou receitas recorde. As surpresas positivas nos números centraram-se nas margens do Model 3, que superaram as expectativas. Este modelo é essencial à sustentabilidade da empresa. Apesar das dúvidas que persistem relativamente à procura e à capacidade de produção e financiamento desta linha, os analistas consultados pela Bloomberg vêem agora melhores perspectivas para a Tesla.

A sustentar o sentimento positivo está ainda a opção de Elon Musk de pedir desculpa por alguns comportamentos que têm desagradado o mercado, que, em conjunto com o valor mais reduzido de "dinheiro queimado", reforçam a confiança na actuação do CEO.

Recentemente, o líder da Tesla foi alvo de críticas por ter apelidado de "pedófilo" um dos mergulhadores que salvou crianças presas numa gruta tailandesa, em resposta a comentários do mesmo sobre a intenção da Tesla de disponibilizar um mini-submarino. Meses antes, a polémica estalou em torno da resposta a dois analistas na apresentação dos resultados anuais, pois desvalorizou na altura as perguntas que lhe foram colocadas por as considerar "aborrecidas".

Conheça mais sobre as soluções de  trading online da DeGiro.