Gestão & Administração Inteligência artificial impulsiona rentabilidade

Inteligência artificial impulsiona rentabilidade

A IA tem um potencial de aumentar as taxas de rentabilidade, em média, 38 pontos percentuais, segundo dados da Accenture Research.
Inteligência artificial impulsiona rentabilidade
C-Studio 24 de agosto de 2017 às 11:11

O declínio constante da rentabilidade no seio das organizações e em várias indústrias ameaça diminuir o investimento futuro, trazendo ainda consequências nefastas ao nível da inovação e do valor para os accionistas. Tendo em conta esta realidade, a Accenture Research aponta agora um novo factor de produção – a inteligência artificial (IA) – que, segundo a consultora, "está a emergir e pode vir a ajudar os sectores de actividade empresarial a tornarem-se mais rentáveis".

 

Na realidade, segundo dados recentes de um estudo da Accenture Research relativo ao impacto da IA em 12 economias desenvolvidas e o seu efeito em 16 indústrias, a inteligência artificial "tem o potencial de aumentar as taxas de rentabilidade, em média, 38 pontos percentuais e pode levar a um aumento económico de 14 mil milhões de dólares em valor agregado bruto (VAB) até 2035".

 

Mas, apesar destes dados, como será então possível impulsionar o crescimento da rentabilidade dentro das organizações? Diz a Accenture Research que a IA consegue reverter o ciclo de baixa produtividade das indústrias através de três canais:


1. Automatização inteligente

Quer seja optimizando a cadeia de produção com melhorias na cadeia de distribuição ou agilizando o processo de vendas, a IA oferece grandes vantagens comparativamente à automatização tradicional.

 

2. Aumento de capital e recursos

Neste caso, os colaboradores podem delegar tarefas de baixo valor acrescentado para a inteligência artificial, tornando-se desta forma mais produtivos nas tarefas realmente importantes. A IA pode também ajudar as organizações a maximizar as taxas de utilização dos activos.

 

3. Difusão de inovação

Através da aceleração do desenvolvimento de novos produtos, a inteligência artificial ajuda a aumentar a inovação, a eliminar custos redundantes e a gerar novos fluxos de receitas, aumentando assim a rentabilidade.

 

O potencial da inteligência artificial poderá ser ainda medido ao nível de cada indústria em particular. Foi o que fez a Accenture Research neste seu estudo. O trabalho revela que a IA tem potencial para aumentar acentuadamente o crescimento da indústria. Nesse sentido, "comunicações, produção e serviços financeiros são os três sectores que mais vão beneficiar com a aplicação de IA".

 

A verdade é que o recurso à inteligência artificial ao nível das vendas e do negócio oferece às organizações "oportunidades de aumento de rentabilidade sem precedentes". Por exemplo, a produção tem um aumento estimado de 39% impulsionado por sistemas baseados em IA, "cuja habilidade de aprender, adaptar e evoluir ao longo do tempo pode eliminar falhas nas máquinas".




Rentabilidade alcançada com aplicação de inteligência artificial

Educação – 84%

Serviços de alojamento e alimentação – 74%

Construção – 71%

Consumo e retalho – 59%

Saúde – 55%

Agricultura e pescas – 53%

Serviços sociais – 46%

Transporte e armazenamento – 44%

Os valores dizem respeito ao aumento da percentagem de rentabilidade com IA, comparando com a linha de base de crescimento actual em 2035.
(Fonte:
dados da Accenture e Frontier Economics).