Automóveis Kia Sportage: Evolução do “tigre”

Kia Sportage: Evolução do “tigre”

Mais agressivo que nunca, com a famosa grelha “Nariz de Tigre” a destacar-se na dianteira, o novo Kia Sportage surpreende pela evolução técnica e qualitativa.
Adriano Oliveira 13 de fevereiro de 2016 às 14:10
Características

33.050€

Kia Sportage 1.7 CRDi 115 cv, TX

Motor: 4 cilindros, 16 vál., gasóleo, injecção directa, turbo, 'start/stop'
Cilindrada: 1.685 cc
Potência: 115 cv às 4.000 rpm
Binário: 280 Nm (1.250-2.750 rpm)
Velocidade máxima: 176 km/h
Aceleração: 11,5 seg. 0-100 km/h
Tracção: dianteira
Transmissão: manual 6 velocid.
Consumo urbano: 5,4 l/100 km
Cons. extra-urbano: 4,2 l/100 km
Consumo médio: 4,6 l/100 km
Emissões CO2: 119 g/km (Euro VI)

Outras versões:

• Gasolina
1.6 GDI 132 cv 27.550€
1.6 T-GDI 177 cv 33.050€

• Diesel
1.7 CRDI 115 cv EX 30.050€;
2.0 CRDI 136 cv GT Line 38.050€


Campeão de vendas da marca na Europa e terceiro no "top" de vendas em Portugal, o novo Kia Sportage chega no próximo mês de Abril à rede nacional de concessionários.

A quarta geração do bem-sucedido "crossover" sul-coreano apresenta um design mais dinâmico e reúne um conjunto de argumentos que representam uma verdadeira evolução na gama, em particular a nível técnico com a introdução de uma nova caixa de velocidades automática de dupla embraiagem. Com um preço competitivo e uma sólida garantia de sete anos, o Sportage está assim bem posicionado para competir no muito em voga segmento dos "crossovers".

Maior e mais espaçoso do que o seu antecessor, o novo modelo distingue-se pelas linhas mais musculadas e arredondadas da carroçaria. No entanto, é na dianteira que o Sportage mais se destaca. Aspecto moderno e agressivo, este é o primeiro Kia a exibir a nova linguagem estilística da marca, que se mantém fiel à famosa grelha "Tiger Nose" (Nariz de Tigre), que simboliza a identidade do construtor coreano desde que Peter Schreyer assumiu a responsabilidade do design, há cerca de 10 anos.

O interior oferece também um aspecto mais moderno, com uma clara evolução na gama em termos de qualidade de materiais e equipamentos de conforto e segurança. Infelizmente, e apesar do "layout" mais limpo do painel de bordo, mantém-se a loucura dos botões e comandos: mais de 40 e pouco intuitivos.

Como o seu antecessor, a nova geração pode dispor de tracção às quatro rodas. No mercado nacional, o Sportage é proposto com motorizações diesel de 115 e 136cv. A gasolina, os blocos 1.6 Gdi e T-Gdi debitam, respectivamente, 132 e 177cv.

Disponível em três níveis de acabamento - EX, TX e GT Line (uma novidade) -, a gama 4x2 a gasolina começa nos 27.550 euros e a diesel nos 30.050 euros. A tracção 4x4 e a caixa automática são opcionais.

O equipamento base é muito completo, mas é a partir do nível TX que encontramos as tecnologias mais recentes como o assistente de máximos, os sensores de parqueamento, o sistema de navegação com câmara ou o alerta de saída de faixa.

Classe 1 (com Via Verde) nas portagens, o Sportage oferece bom comportamento em estrada e na cidade e um óptimo nível de conforto, sendo de destacar as melhorias feitas em matéria de insonorização.

O importador fixou como objectivos de vendas para 2016 as mil unidades, o dobro de 2015.


Negócios em Barcelona, a convite da Kia


novidades Encontro anual da indústria automóvel, o Salão de Genebra realiza-se entre 3 e 13 de Março 

Audi RS Q3 performance 
Novo modelo de topo da Audi, o RS Q3 performance faz a sua estreia em Genebra. Monta um bloco de 5 cilindros com 367 cv de potência e 465 Nm de binário. Cumpre os 0-100 km/h em apenas 4,4 segundos e atinge a velocidade máxima de 270 km/h. Chega no segundo trimestre deste ano.



Opel Mokka X
O Mokka X estreia a nova designação da Opel para uma futura gama de utilitários-desportivos. Redesenhado por dentro e por fora, traz consigo um novo motor 1.4 Turbo, caixa automática, tracção integral, faróis de LED adaptativos,  OpelEye e sistema Opel OnStar. Chega em Outubro. 




A sua opinião0
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
pub