Weekend Debaixo de água

Debaixo de água

Tudo começou em 1954, com a criação do primeiro relógio de mergulho Tudor, o Submariner 7922. Hoje, o Pelagos é a herança dessa tradição.
Debaixo de água
Fernando Sobral 18 de agosto de 2018 às 12:00
A Tudor é a outra face da sua irmã Rolex. Mas tem uma imagem própria, que está a crescer através de uma renovação constante e a recolocar-se como uma marca com uma identidade forte num mercado concorrencial. Nos últimos anos, a Tudor tem reforçado o seu posicionamento com o conceito "Born to Dare", que reflecte a história da marca e tudo aquilo que são os seus compromissos no universo da relojoaria. E demonstra a aventura de todos os que conseguiram ultrapassar os seus limites na terra, debaixo do mar, no gelo ou no ar, nas mais extremas condições.

Esse constante desafio com os limites da coragem e da resistência sublinham, de resto, a história da marca. Este conceito "Born to Dare" tem sido reflectido por uma série de embaixadores que simbolizam estes princípios, tais como Lady Gaga ou os jogadores de râguebi da Nova Zelândia.

As origens da Tudor remontam a 1926, quando "The Tudor" foi registado pela primeira vez pelo fundador da Rolex, Hans Wilsdorf. O objectivo era criar relógios com a qualidade da Rolex, mas a um preço mais acessível. Um conceito que se manteve. Wilsdorf dizia: "Desde há alguns anos que tenho vindo a pensar na ideia de fazer um relógio que os nossos agentes possam vender por um preço mais modesto do que os nossos relógios Rolex, mas que ao mesmo tempo atinjam os níveis de confiança pela qual os Rolex se tornaram famosos." Criou, então, uma empresa separada com uma nova marca, a Tudor. Era uma intuição brilhante.

Nesse tempo, o mercado para relógios de pulso estava a crescer exponencialmente. A marca impôs-se e, ao longo dos anos, tem vindo a apresentar modelos icónicos, como o Black Bay, o Pelagos, o Glamour ou 1926. No fundo, a lógica de aventura e de ousadia têm estado sempre presentes na marca. A utilização de 26 Oyster Prince da Tudor na grande expedição britânica ao norte da Groenlândia, em 1952, foi um dos momentos desta ligação a uma grande aventura épica. Nessa altura, a Tudor marcava a sua personalidade e força com os seus produtos e com o carácter visionário da publicidade. Depois de uma fase mais escondida, a Tudor ganhou nova energia e vontade de ousar a partir de 2010, com o lançamento do Chronograph da linha Heritage.

Sabe-se que a marca tem uma longa história na construção de relógios de mergulho, robustos e inovadores, utilizados tanto por mergulhadores amadores como por mergulhadores profissionais, incluindo as maiores marinhas do mundo. Tudo começou em 1954, com a criação do primeiro relógio de mergulho Tudor, o Submariner 7922. Hoje, o Pelagos é a herança dessa tradição e o relógio de mergulho mais completo da marca. O nome Pelagos tem origem no grego e significa "relacionar-se com ou viver no mar". Como o nome sugere, e graças às suas características técnicas, o Pelagos está realmente em casa debaixo de água, seja no pulso de um mergulhador ou em grande profundidade num sino de mergulho. 


Músculo

Desenvolvido em colaboração com Sylvester Stallone, o RM 25-01 Adventure, o novo turbilhão cronógrafo da Richard Mille, destaca-se como um poderoso relógio para quem tem de se defrontar com ambientes hostis. Stallone destacou-se no mundo do cinema como intérprete da personagem John Rambo, desde 1982. Atravessou gerações de fãs. Para Stallone, este novo relógio da Richard Mille está "ready for action", porque a técnica está ao serviço da aventura. A ideia para a concretização deste modelo era criar um relógio que permitisse aos aventureiros terem algo confiável no pulso. O calibre utilizado é, segundo a marca, o mais desenvolvido tecnicamente desde sempre pela Richard Mille.

Tem uma reserva de marcha de 70 horas e a sua luminosidade interna permite ser legível, mesmo com a ausência de luz solar. Com ele pode-se identificar o Norte, o Sul, o este e o Oeste em qualquer hemisfério. Este RM 25-01 é uma edição limitada a 20 exemplares e foi desenhado em conjunto com Stallone, cujas ideias para um relógio que fosse funcional em territórios inóspitos foram extremamente úteis. A Richard Mille apresentou o seu primeiro relógio em 2001, o RM 001, que surgiu como uma espécie de "revolução" no mundo da relojoaria. Foi o primeiro passo para uma estratégia de consolidação que assentou na inovação técnica, na arte e arquitectura num trabalho de alta relojoaria feita à mão. Este relógio simboliza tudo isso. 





pub