Weekend Espírito desportivo da alta relojoaria

Espírito desportivo da alta relojoaria

A Tudor, dentro da recente tendência de regresso aos relógios de aço, apresenta o seu emblemático Heritage Black Bay de 41 centímetros de diâmetro. Com forte imagem desportiva.
Espírito desportivo da alta relojoaria
Fernando Sobral 29 de julho de 2017 às 18:00
A Tudor tem uma forte imagem que vai perdurando ao longo do tempo e que acaba por se reflectir nas suas diferentes propostas. Agora apresenta um emblemático Heritage Black Bay, num modelo de 41mm de diâmetro com caixa refinada e luneta fixa em aço polido. Nota-se que, para este novo modelo, a marca reteve as linhas gerais dos relógios da família BlackBay e trabalhou-as para uma versão mais formal, mas com uma forte imagem desportiva. O seu exterior foi redesenhado e afinado para permitir uma passagem mais fácil pela manga da camisa. No mesmo espírito, a escolha de um vidro de safira plano, ao mesmo nível da luneta fixa em aço polido, cria um efeito minimalista.

Tal como outros modelos da família Black Bay, o Heritage Black Bay 41 propõe um mostrador inspirado nos relógios de mergulho Tudor produzidos nos anos 50 numa elegante execução preta lacada. Serve-se igualmente dos ponteiros Tudor de forma angular característica, apelidada de "snowflake" no círculo dos coleccionadores e aparece no catálogo da marca desde 1969. A coroa de tamanho grande, característica da primeira geração de relógios de mergulho da marca, é estanque até 200 metros e é também tomada neste novo modelo. Surgindo com bracelete e maço ou em pele castanha com fivela, o modelo Heritage Black Bay 41 é entregue com uma bracelete suplementar em tecido com padrão camuflado urbano.

Recorde-se que a linha Heritage da Tudor é caracterizada por um processo criativo singular que começou em 2010 coma apresentação do modelo Tudor Heritage Chrono,uma reinterpretação livre do primeiro cronógrafo da marca datado de 1970. Desde aí, algumas das referências mais importantes da história Tudor foram reinventadas dentro da linha Heritage. Contrariamente ao trabalho idêntico de reedição de um clássico, os modelos desta linha são o resultado de subtis combinações de códigos estéticos históricos e de tecnologia relojoeira contemporânea. A família Black Bay representa de forma muito concreta todo o ADN da marca.

Metálico

Em 1999, a Panerai criou a sua primeira correia metálica para os seus relógios. Agora, inspirada nela, recupera-a para o novo Luminor Marina 1950 3 Days Automatic. A forma de cada ligação individual lembra o icónico dispositivo "ponte" e cada uma integra-se, sem recorrer a parafusos, formando uma correia ergonómica e desportiva graças ao design dos detalhes e à combinação de acabamento polido e escovado. Resistente e robusta, mas muito mais leve do que as desenvolvidas anteriormente pela Panerai, a nova correia é de aço inoxidável 316L AISI, idêntico ao da caixa Luminor 1950. Com acabamentos escovados a contrastar com o bisel polido, esta caixa destaca-se por ser muito leve e fina, característica possível porque o calibre automático P.9010 tem apenas 6mm de espessura. Este movimento é visível através da janela em vidro de safira que se encontra no fundo. O calibre, inteiramente desenvolvido pela Manufatura de Alta Relojoaria da Panerai em Neuchâtel, tem uma reserva de marcha de três dias e é enrolado por uma massa oscilante bidirecional.

O mostrador do novo Luminor Marina 1950 3 Days Automatic é preto, ao estilo da Panerai, com uns grandes índices horários luminosos beges e o segundo contador com um pequeno ponteiro azul às 9 horas. A estrutura sanduíche do mostrador assegura uma melhor visibilidade durante a noite e debaixo de água, uma função que faz parte do ADN de cada relógio Panerai. A hermeticidade está garantida até 10 bares (uma profundidade de cerca de 100 metros) para o modelo com uma caixa de 42 mm de diâmetro (PAM00722) e até 30 bares para o modelo de 44 mm (PAM00723). Uma proposta inovadora da marca conhecida pela sua ligação ao mar. 




A sua opinião0
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar