Automóveis Ford EcoSport: Cura de rejuvenescimento

Ford EcoSport: Cura de rejuvenescimento

Em quatro anos, o EcoSport já mudou duas vezes e sempre para melhor. Desta vez, a actualização do utilitário-desportivo da Ford foi mais profunda, uma autêntica cura de rejuvenescimento!
Adriano Oliveira 06 de janeiro de 2018 às 16:00
Características

25.358€*

Ford EcoSport 1.0 Ecoboost 125 cv ST-LINE aut

Motor: dianteiro transversal, ferro/alumínio, gasolina, 3 cilindros em linha, 12 válvulas, injecção directa, turbo, intercooler, "start/stop".
Cilindrada: 999 cc.
Potência: 125 cv/6.300 rpm.
Binário: 180 Nm/4.400 rpm.
Velocidade máxima: 180 km/h.
Aceleração: 11,6s 0-100 km/h.
Tracção: dianteira.
Transmissão: auto 6 velocidades.
Consumos:
misto 5,8l/100 km;
urbano 7,2l/100 km;
extra-urbano 5,0l/100 km.
Emissões CO2: 134 g/km (Euro VI).

*Mesma versão com caixa manual 23.790€;
versão de entrada de gama gasolina 21.096€

Lançamento: Fevereiro de 2018


Novo ano, novo "crossover" para animar um dos segmentos que mais vende e mais concorrência tem no espaço europeu. Desta vez, o recém-renascido chama-se EcoSport, um pequeno utilitário desportivo urbano, que a Ford introduziu com sucesso no Brasil em 2003 e importou para a Europa em 2014.

Ligeiramente modernizado em 2015, o Ford EcoSport recebe agora uma nova actualização (há 2.300 novas peças), mais profunda e consensual com o gosto do cliente europeu, além de, mecanicamente, mais adaptada às nossas estradas.

Com pouco mais de quatro metros de comprimento e linhas exteriores elegantes e robustas, inspiradas nos modelos Kuga de média porte e no Edge do segmento acima, o EcoSport é proposto com 12 cores de carroçaria e aposta na personalização recorrendo a cores de tejadilho contrastantes, que se estendem aos pilares das janelas, rebordos superiores das portas, retrovisores e asa traseira.

O EcoSport oferece igualmente um interior mais refinado e ergonómico, com um painel de bordo redesenhado, que integra um ecrã táctil de 8 polegadas, e novas soluções de arrumação. Volante aquecido e sistema de som "premium" B&O Play fazem parte da lista de equipamentos disponíveis.

Além dos níveis de acabamento Business e Titanium, o EcoSport é proposto pela primeira vez numa versão ST-Line, de características mais desportivas e com um pacote tecnológico de série mais completo. São de série ainda os bancos parciais em couro com pespontos, as jantes de 17 polegadas e o tejadilho de cor contrastante.

Também pela primeira vez o EcoSport vem dotado de tracção integral inteligente (AWD), que lhe garante melhor motricidade quer em estrada quer em terrenos mais acidentados, onde até agora tinha dificuldade em aventurar-se, apesar da boa distância ao solo e dos ângulos de ataque, saída e ventral, respectivamente, 21º, 33,3º e 23,3º (modelo actual).

Finalmente, outra novidade é a introdução na gama do motor a gasóleo 1.5 EcoBlue de 125 cv com baixos níveis de consumo e emissões. Este bloco, disponível a partir de meados do ano com tracção dianteira e AWD, vem juntar-se ao Diesel 1.5 TDCi de 100 cv com caixa de manual de 6 velocidades, com lançamento em Fevereiro.

A oferta a gasolina inclui o motor 1.0 Ecoboost, com dois níveis de potência (125 e 140 cv) e caixa manual de seis relações ou automática. Para mais tarde está prevista a chegada de outro propulsor a gasolina de 100 cv e caixa de seis velocidades. 


Destaques

O EcoSport é produzido em Craiova, na Roménia. Desde 2014, foram vendidas 166 mil unidades do modelo na Europa.

Interior apelativo

O EcoSport apresenta um interior mais apelativo, tanto no design como no conforto. Inspirado no Fiesta, o painel de bordo é mais lógico e simples e os materiais mais suaves ao toque. Divertido de conduzir, oferece um comportamento em estrada eficaz e a dinâmica de condução melhorou.

Duas cores só no ST-Line

O novo EcoSport vai chegar à rede de concessionários da marca em duas fases - em Fevereiro e em meados do ano -, consoante as motorizações. Duas cores de carroçaria só no ST-Line. A Ford vendeu em Portugal cerca de 400 unidades EcoSport em 2017 (300 unidades em 2016).


Apresentação internacional no Estoril





A sua opinião0
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
comentar
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.