Automóveis Optima SW PHEV: Versátil e eficiente

Optima SW PHEV: Versátil e eficiente

Com uma autonomia eléctrica de 62 km, o novo modelo distingue-se da berlina basicamente pela maior capacidade de carga.
Adriano Oliveira 21 de outubro de 2017 às 16:15
43.750€*

Kia Optima SW PHEV

Potência combinada: 205 cv.
Motor/combustão: gasolina, 4 cil., 16 vál., injecção directa.
Cilindrada: 1.999 cc.
Potência: 156 cv às 6.000 rpm.
Binário: 189 Nm às 5.000 rpm.
Motor/eléctrico: 68 cv/205 Nm.
Velocidade máxima: 192 km/h.
Aceleração: 9,4s dos 0-100 km/h.
Tracção: dianteira.
Transmissão: auto 6 vel.
Consumo médio: 1,4l/100km.
Emissões CO2: 33 g/km (Euro VI).
Autonomia eléctrica: 62 km.

*Inclui desconto de 5.000€.


A nova carrinha Kia Optima Sportswagon PHEV combina a versatilidade do Optima Sportswagon convencional com a eficiência da motorização da berlina Optima PHEV Plug-in Hybrid, introduzida em 2016.

Com uma autonomia eléctrica de 62 km, o novo modelo distingue-se da berlina basicamente pela maior capacidade de carga: 440 litros com os bancos não rebatidos, ou seja, ou mais 155 litros. De série, o equipamento inclui todas as tecnologias de segurança activa e de conforto a bordo disponibilizadas pela marca para a gama Optima, bem como a garantia de sete anos ou 150 mil quilómetros.

Oferece ainda baixas emissões de CO2 - 33 g/km -, que garantem baixos custos, quer para particulares como empresas.

O novo Optima Sportswagon PHEV é alimentado por uma bateria de polímeros de iões de lítio de 11,26 kWh acoplada a um motor eléctrico de 50 kW. O conjunto conta igualmente com o motor GDI de 2.0 litros e quatro cilindros, que debita 156 cv de potência e 189 Nm de binário. A conjugação deste bloco com o motor eléctrico permite que o veículo funcione em modo de conservação da carga quando a bateria fica descarregada. A potência total do conjunto híbrido é de 205 cv às 6.000 rpm.





A sua opinião0
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
Saber mais e Alertas
pub