Automóveis SEAT Leon: Actualização discreta

SEAT Leon: Actualização discreta

Desenho, tecnologias, equipamento e motores: o SEAT Leon beneficia de uma discreta actualização de meio ciclo de vida para manter viva a chama do êxito.
SEAT Leon: Actualização discreta SEAT Leon: Actualização discreta SEAT Leon: Actualização discreta SEAT Leon: Actualização discreta SEAT Leon: Actualização discreta SEAT Leon: Actualização discreta SEAT Leon: Actualização discreta SEAT Leon: Actualização discreta SEAT Leon: Actualização discreta SEAT Leon: Actualização discreta SEAT Leon: Actualização discreta SEAT Leon: Actualização discreta SEAT Leon: Actualização discreta SEAT Leon: Actualização discreta SEAT Leon: Actualização discreta SEAT Leon: Actualização discreta SEAT Leon: Actualização discreta SEAT Leon: Actualização discreta SEAT Leon: Actualização discreta SEAT Leon: Actualização discreta SEAT Leon: Actualização discreta SEAT Leon: Actualização discreta SEAT Leon: Actualização discreta SEAT Leon: Actualização discreta SEAT Leon: Actualização discreta SEAT Leon: Actualização discreta SEAT Leon: Actualização discreta SEAT Leon: Actualização discreta SEAT Leon: Actualização discreta SEAT Leon: Actualização discreta SEAT Leon: Actualização discreta SEAT Leon: Actualização discreta SEAT Leon: Actualização discreta
Adriano Oliveira 19 de Novembro de 2016 às 15:00
Características

37.262€

SEAT Leon 5p FR 2.0 TDI 150 cv Start/Stop DSG 6 velocidades

Motor: dianteiro transversal, gasóleo, ferro/alumínio, 4 cilindros em linha, 16 válvulas, injecção directa, turbo, geometria variável, intercooler, "start/stop"
Cilindrada: 1.968 cc
Potência: 150 cv (3.500-4.000 rpm)
Binário: 340 Nm (1.750-3.000 rpm)
Velocidade máxima: 213 km/h
Aceleração: 8,4s 0-100 km/h
Tracção: dianteira
Transmissão: auto DSG 6 vel.
Consumo misto: 4,6l/100 km
Consumo urbano: n.d.
Cons. extra-urbano: n.d.
Emissões CO2: 117 g/km (Euro VI)
Lançamento: Janeiro de 2017


Quatro anos depois da sua entrada em comercialização, a terceira geração da gama SEAT Leon beneficia de uma discreta actualização que os responsáveis da marca espanhola resumem de forma original: "Tudo mudou para que quase nada mude." O que, traduzido à letra, deixa entender que "em equipa que ganha não se mexe muito". Como é o caso do Leon.

Campeão de vendas, com cerca de 35% das vendas globais da SEAT, o Leon tem-se revelado ao longo dos anos um verdadeiro sucesso, que estrategicamente a marca não quer perder e explica as quase imperceptíveis melhorias introduzidas. Basta pôr o modelo antigo e o novo lado a lado, e... "Descubra as diferenças!"

Na parte dianteira, há uma nova grelha, maior e novos faróis de nevoeiro integrados no pára-choques, que foi redesenhado. Na traseira, os farolins passam a incluir a tecnologia LED nos indicadores de mudança de direcção.

Visto de perfil, o novo nível de acabamento Xcellence, que dá ao Leon um ar mais topo de gama e vem juntar-se aos três já existentes - Reference, Style e FR -, inclui frisos cromados nas molduras das janelas, enquanto nos restantes são em preto. A nível estético há ainda a assinalar os novos desenhos das jantes e três cores de carroçaria adicionais.

No interior, o desenho do painel de bordo é idêntico ao anterior, mas o ecrã do sistema multimédia passa de 7 para 8 polegadas. A consola central inclui agora travão de estacionamento eléctrico e pode receber, em opção, carregador de telemóveis por indução. Materiais e acabamentos são de qualidade e há uma nova iluminação interior de LED, de intensidade e cor reguláveis.

Nas tecnologias, o Leon herda do Ateca os mais variados sistemas de segurança e apoio à condução, como o reconhecimento de sinais, travagem de emergência, protecção de peões, entre outros.

Mecanicamente, apenas o 1.6 TDi ganha 5 cv (115 cv) e o 2.0 TDI 150 4Drive é proposto com caixa DSG de dupla embraiagem. O resto da gama é constituído pelo recente três cilindros 1.0 TSI e pelo 1.4 TSI ACT (com desactivação de cilindros). Mas também pelo 2.0 TDI de 150 e 184 cv.

Disponível nas habituais versões de carroçaria - 5 portas, coupé (SC), familiar (ST) e a mais radical X-Perience - os preços do Leon oscilam entre 23.084 e 39.448 euros, o que traduz um aumento médio de 500 euros, justificado por um equipamento de série muito mais completo. 

Negócios em Barcelona, a convite da SEAT


Destaques

Nos primeiros nove meses do ano, os lucros operacionais da SEAT somaram 137 milhões de euros.

Maior ofensiva de produto
O novo SEAT Leon é o segundo passo da maior ofensiva de produto da marca espanhola do grupo VW. Depois do Ateca e do Leon, serão lançados dois novos modelos: a 5.ª geração do Ibiza e o "crossover" Arona. Em Fevereiro de 2017, haverá uma nova versão Cupra do Leon.


Leon, Alhambra e Ateca a crescer
Entre Janeiro e Setembro, a SEAT comercializou um total de 345.600 veículos. Em comparação com o período homólogo, as vendas do Leon cresceram 7,7% e as do Alhambra, produzido na Autoeuropa, 23%. O construtor registou até agora 30 mil encomendas do novo Ateca.




A sua opinião0
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
pub