Weekend Tecnologia pioneira

Tecnologia pioneira

A Longines apresenta agora o seu novo Conquest V.H.P., equipado com um movimento desenvolvido exclusivamente para a marca.
Tecnologia pioneira
Fernando Sobral 28 de julho de 2018 às 18:00

A Longines apresenta agora o seu novo Conquest V.H.P., equipado com um movimento desenvolvido exclusivamente para a marca.

 

Desde 1832 que a Longines, a partir da Suíça, tem refinado a nobre arte da relojoaria. O trabalho artesanal tem assim uma longa tradição, onde elegância e qualidade se cruzam dentro de uma filosofia típica da indústria relojoeira suíça. Ao mesmo tempo, construiu também uma forte reputação de guardiã do tempo com a sua ligação a eventos desportivos e também a desportos equestres.

 

Fundada na cidade de Saint-Imier, a Longines impõe-se pela sua filosofia de elegância e requinte. Agora, a partir da experiência de vários anos com o movimento de quartzo, a Longines revive uma história de sucesso dos anos 80. O Conquest V.H.P. (Very High Precision) marca o regresso à tecnologia na qual foi pioneira e especialista, particularmente através das suas actividades de cronometragem. Representa uma evolução no campo do quartzo, combinando elevada precisão e tecnicidade com aparência desportiva, assinaladas pela elegância única da marca.

 

Aliás, a história da Longines com quartzo tem sido repleta de inovações e proezas técnicas. Em 1954, a marca desenvolveu o primeiro relógio de quartzo, que rapidamente estabeleceu uma série de recordes de precisão no Observatório de Neuchâtel. Equipou o lendário Chronocinégines, um instrumento que se tornou pioneiro na história da cronometragem. Em 1969, a mestria tecnológica levou a que a Longines criasse o Ultra-Quartz, o primeiro relógio de pulso com movimento quartzo. Um grande passo foi dado em 1984 com o calibre quartzo no Conquest V.H.P., estabelecendo o recorde de precisão da altura.

 

Como uma extensão destes marcos históricos, a marca apresenta agora o seu novo Conquest V.H.P., equipado com um movimento desenvolvido exclusivamente para a Longines. Este movimento é conhecido pelo seu elevado grau de precisão num relógio analógico (± 5 segundos/ano) e pela sua habilidade de reiniciar os seus ponteiros após um impacto ou exposição a um campo magnético utilizando o sistema GPD (gear position detection).

 

Estes relógios em aço encontram-se disponíveis nas versões 3 ponteiros/calendário (caixas com 41 e 43 mm de diâmetro) e cronógrafo (caixas com 42 e 44 mm de diâmetro). O cronógrafo exibe as horas, minutos e segundos, um contador de 30 minutos às 3 horas, um contador de 12 horas posicionado às 9 horas e um contador de 60 segundos no centro. Em cada modelo, as diferenças estão no uso da coroa inteligente, enquanto o indicador E.O.L. pode assinalar preventivamente o fim de vida da pilha.

 

A colecção Conquest V.H.P apresenta mostradores em diferentes cores: azul, carbono, prateado ou preto. Um bracelete em aço inoxidável ou em PVD preto, ou um bracelete de borracha azul ou preto completam este relógio.

 

O aviador

A IWC Schaffhausen apresentou este ano, no Salon International de la Haute Horlogerie (SIHH) em Genebra, no âmbito da colecção comemorativa do 150º aniversário da manufactura, três relógios Aviador de edição limitada, que na altura despertaram forte interesse.

 

Um deles foi o Grande Relógio Aviador Data Grande Edição "150 Years", o primeiro Grande Relógio Aviador da IWC, com uma indicação da data com algarismos grandes por baixo do triângulo de marcação na posição "12 horas". Agora, eles estão disponíveis em dois modelos em edição limitada a cem exemplares: em aço inoxidável, mostrador azul, acabamento em verniz, ponteiros rodinados e em aço inoxidável, acabamento em verniz, ponteiros azulados.

 

Para o calibre manufacturado IWC 59235, os designers da marca ampliaram o calibre 59210 com corda manual de oito dias com uma indicação da data com algarismos grandes. A data é apresentada por um anel da data duplo, em que um disco apresenta o algarismo decimal e o outro o algarismo das unidades.

 

Para que o mostrador mantivesse o estilo dos relógios aviador, a indicação da reserva de marcha foi colocada na parte posterior. Para isso, a caixa em ferro macio foi equipada com um visor redondo que não prejudica o isolamento contra campos magnéticos.