Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

"É impossível consertar Portugal em três anos"

Tal como na Grécia, o plano de ajuda a Portugal terá de ser revisto. Três anos não chegam para reabilitar o País. "Talvez dez", afirma o "global chief investment officer" da RCM.

Edgar Caetano edgarcaetano@negocios.pt 16 de Maio de 2011 às 00:01
  • Assine já 1€/1 mês
  • 1
  • ...
O programa de ajuda a Portugal não será suficiente para resolver os problemas do País, defende Andreas Utermann, o "global chief investment officer" da RCM, uma gestora de fundos da Allianz Global Investors. "Basta olhar para a reacção dos mercados" e para a subida das taxas de juro da dívida desde o início das negociações com a troika. Tal como está a acontecer com a Grécia, também Portugal necessitará, eventualmente, de "um novo programa".




logo_empresas

Ver comentários
Saber mais Portugal ajuda externa Andreas Utermann RCM
Outras Notícias