Ambiente Clima: China compromete-se a reduzir emissões poluentes no sector energético em 60% em 2020

Clima: China compromete-se a reduzir emissões poluentes no sector energético em 60% em 2020

Com os olhos postos em 2020, a China compromete-se a reduzir as emissões poluentes no sector energético e a diminuir as emissões de dióxido de carbono nas centrais energéticas a carvão. Ao mesmo tempo, em Paris prosseguem as negociações para um novo acordo climático.
Reuters Reuters Reuters Reuters Reuters Reuters Reuters Reuters Reuters Reuters
Inês F. Alves 02 de dezembro de 2015 às 15:51

Dois dias depois do início da Cimeira do Clima, o Governo chinês anunciou que pretende reduzir as emissões de gases poluentes em 60% no sector energético em 2020. Este anúncio acontece enquanto decorrem em Paris as negociações para um novo acordo climático que visa limitar o aquecimento global.

Além de reduzir as emissões poluentes no sector energético em 60% em 2020, o país pretende também diminuir as suas emissões de dióxido de carbono (CO2) geradas pelas centrais energéticas a carvão em 180 milhões de toneladas em 2020, escreve a Reuters.

Em Paris, Christiana Figueres, líder do secretariado para as alterações climáticas das Nações Unidas, disse à Reuters que ainda não havia tido a oportunidade de ver este anúncio, mas relacionou-o com as expectativas de que o uso de carvão na China atinja um pico no final da década.

O presidente chinês Xi Jinping salientou no discurso de abertura da Conferencia do Clima em Paris que "é imperativo respeitar as diferenças entre países, especialmente nos países em desenvolvimento" e que o combate às alterações climáticas não deve ir "contra a necessidade dos países de combater a pobreza e melhorar o nível de vida das suas populações".

A Cimeira do Clima em Paris (COP21) começou a 30 de Novembro e prolonga-se até 11 de Dezembro. Os 195 países aqui representados vão negociar um novo acordo climático, que visa limitar o aumento da temperatura e combater as alterações climáticas. 





pub

Marketing Automation certified by E-GOI