Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Assembleia Municipal de Lisboa aprova moção pela renacionalização dos CTT

Na moção, a AML apela "ao Governo para que, com a maior celeridade possível, torne possível a renacionalização da empresa CTT" e exorta a Assembleia da República a "agir no sentido de possibilitar" esse processo.

CTT
Pedro Elias/Negócios
Lusa 19 de Fevereiro de 2019 às 23:13
  • Assine já 1€/1 mês
  • 8
  • ...

A Assembleia Municipal de Lisboa (AML) aprovou esta terça-feira uma moção apresentada pelo PCP defendendo a "urgente renacionalização dos CTT", apelando ao Governo que "torne possível" o regresso dos correios à esfera pública.

 

A moção, que reconhece "a importância de uma urgente renacionalização dos CTT", teve os votos contra do CDS-PP e do MPT, a abstenção do PSD, e os votos favoráveis das restantes forças políticas.

 

Na moção, a AML apela "ao Governo para que, com a maior celeridade possível, torne possível a renacionalização da empresa CTT" e exorta a Assembleia da República a "agir no sentido de possibilitar" esse processo.

 

Totalmente privatizados desde setembro de 2017, os CTT - Correios de Portugal, com concessão do serviço postal universal até dezembro de 2020, têm estado na ordem do dia devido ao fecho de balcões, com o PCP e o Bloco de Esquerda (BE) a proporem o seu regresso à esfera do controlo estatal.

 

Os dois projetos de lei vão ser debatidos na Assembleia da República no dia 20 de fevereiro, com o BE a defender que a nacionalização deverá ocorrer ainda durante a presente legislatura.

Ver comentários
Saber mais Assembleia Municipal de Lisboa CTT renacionalização
Mais lidas
Outras Notícias