Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

PS/Porto apresenta documento de orientação estratégica para a Área Metropolitana

A distrital do PS/Porto apresentou um documento de orientação estratégica para a Área Metropolitana do Porto nas próximas autárquicas, um "compromisso de honra dos candidatos socialistas com os cidadãos", cujo texto final sairá da convenção autárquica de sábado.

Lusa 18 de Setembro de 2012 às 01:10
  • Partilhar artigo
  • 2
  • ...
A apresentação e discussão do documento de orientação estratégica para a Área Metropolitana do Porto nas eleições autárquicas de 2013 foi um dos temas em agenda na reunião da comissão política distrital do PS/Porto, que decorreu na segunda-feira à noite.

Em declarações à agência Lusa, o presidente da distrital do PS/Porto, José Luís Carneiro, disse que o documento, elaborado pelo Gabinete de Estudos em articulação com o Gabinete Autárquico, verá o seu texto final sair da convenção autárquica, marcada para sábado, no Coliseu do Porto.

"O que há para todos os candidatos são linhas de orientação estratégica comuns, que serão subscritas e constituirão um compromisso de honra dos candidatos do PS com os cidadãos metropolitanos. Cada candidato, depois, terá a sua liberdade para elaborar o seu programa concelhio, em ordem a respeitar aquelas que são as prioridades locais", sublinhou.

Na opinião de José Luís Carneiro, "quando os cidadãos da área metropolitana olharem para os diferentes candidatos do PS, vão saber que a orientar a sua acção política está um conjunto de compromissos de serviço aos cidadãos".

O líder da distrital do PS/Porto manifestou ainda a intenção de "ajustar este documento de orientação estratégica às regras já aprovadas na Comissão Europeia, no Parlamento Europeu e que têm parecer do Comité das Regiões relativas ao quadro comunitário 2014/2020".

"Muitas das prioridades do documento estão estabelecidas em linha com aquilo que são as prioridades da União Europeia 2014/2020 porque é daí que pode advir uma fonte de financiamento das políticas autárquicas", observou.

Como linhas mestras deste documento, José Luís Carneiro destacou "a promoção do emprego e do crescimento da economia, a defesa do ambiente e da sustentabilidade energética, as questões relacionadas com os transportes e com a mobilidade, a requalificação do espaço público e a reabilitação habitacional e ainda tudo o que tem a ver com políticas sociais de proximidade".

Questionado sobre o calendário para a realização das eleições directas nas concelhias da distrital socialista do Porto, José Luís Carneiro recordou que "o PS nacional aprovará, até ao fim deste mês, o regulamento relativo às eleições directas".

"Onde nós conseguirmos criar um consenso em torno da escolha dos candidatos, procuraremos evitar a realização dessas directas; onde houver efectivamente uma vontade de disputa democrática para que os militantes possam escolher o seu candidato, esse procedimento irá decorrer de acordo com as normas e com os regulamentos que irão ser aprovados agora pela comissão nacional", enfatizou.

Ver comentários
Saber mais distrital do PS/Porto documento de orientação estratégica Área Metropolitana do Porto
Outras Notícias