Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Actividade na indústria e serviços da Zona Euro abrandou em Outubro

O indicador elaborado com base em inquéritos aos gestores da indústria e dos serviços da Zona Euro caiu inesperadamente, em Outubro, sinalizando que a actividade irá crescer a um ritmo mais lento.

Hugo Paula hugopaula@negocios.pt 24 de Outubro de 2013 às 11:52
  • Assine já 1€/1 mês
  • ...

O índice compósito da actividade na indústria e nos serviços caiu entre os meses de Setembro e Outubro, sinalizando que o ritmo de crescimento previsto pelas empresas da Zona Euro abrandou. O recuo, embora continue a indicar expansão, veio contrariar as expectativas dos economistas.

 

O índice compósito de inquéritos aos gestores de compras (PMI) da indústria e dos serviços caiu de 52,2 pontos, em Setembro, para 51,5 pontos em Outubro, segundo comunicado da Markit Economics citado pela Bloomberg.

 

Os economistas consultados pela agência noticiosa apontavam para um crescimento para 52,4 pontos, segundo 24 estimativas compiladas. Recorde-se que uma leitura do índice acima de 50 pontos aponta para uma expansão da actividade.

 

O resultado do indicador elaborado através de inquéritos aos gestores de compras, que baseiam as encomendas nas suas estimativas de vendas, aponta para uma evolução positiva do indicador. Contudo, o ritmo de expansão poderá ser mais lento do que previam os economistas.

 

O indicador para os serviços recuou de 52,2 para 50,29 pontos, entre Setembro e Outubro, enquanto o da indústria aumentou de 51,1 pontos para 51,3 pontos. As previsões apontavam que o indicador dos serviços permanecesse nos 52,2 pontos e que o industrial aumentasse para 51,4 pontos.

Ver comentários
Saber mais Zona Euro Markit Economics indústria serviços
Outras Notícias