Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Economia dos EUA abranda no segundo trimestre

Famílias norte-americanas estão a cortar no consumo, numa altura em que o mercado de trabalho teima em dar sinais de recuperação sustentada e a crise na Europa agrava os níveis de confiança.

Nuno Carregueiro nc@negocios.pt 27 de Julho de 2012 às 13:54
  • Assine já 1€/1 mês
  • ...
O produto interno bruto dos Estados Unidos cresceu a um ritmo anual de 1,5% no segundo trimestre do ano, o que representa um abrandamento face à taxa de expansão de 2% registada nos primeiros três meses do ano, segundo os dados da primeira leitura hoje revelados pelo Departamento do Comércio.

Apesar do abrandamento, o registo do segundo trimestre ficou acima do esperado, já que os economistas antecipavam uma expansão de 1,4% entre Abril e Junho.

O abrandamento dos gastos dos consumidores foi o principal responsável pelo arrefecimento da maior economia do mundo. As despesas das famílias, que têm um peso de 70% no PIB, cresceram a um ritmo anual de 1,5% no segundo trimestre, o que representa o valor vais reduzido do último ano e compara com o crescimento de 2,4% nos primeiros três meses do ano.

O abrandamento da economia norte-americana surge numa altura em que o desemprego teima em persistir em valores elevados (está acima dos 8% há 41 meses seguidos) e a crise na Europa penaliza os níveis de confiança dos agentes económicos.

O Departamento do Comércio efectuou hoje uma profunda revisão aos valores históricos do PIB nos últimos trimestres, concluindo-se que a recuperação da última recessão foi mais branda que o previamente anunciado: o PIB cresceu 2,5% nos 12 meses posteriores a Junho de 2009 e não 3,3% com tinha sido antes publicado.

Já a evolução da economia no final de 2011 foi revista em alta. O PIB cresceu 4,1% no último semestre do ano passado, o que representa o ritmo mais elevado em seis anos. Por outro lado acentua o abrandamento da economia na primeira metade deste ano.

Ver comentários
Saber mais PIB Estados Unidos
Outras Notícias