Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Inflação em Portugal volta a terreno negativo apesar de subida dos preços dos alimentos

Numa visão homóloga, as classes com contribuições positivas para a variação do IPC são as dos Bens alimentares e bebidas não alcoólicas, dos Bens e serviços diversos e da Saúde.

Desde 1999 que não se verificava uma tão acentuada descida no consumo das famílias.
António Pugliese
Ana Batalha Oliveira anabatalha@negocios.pt 13 de Outubro de 2020 às 11:58
  • Assine já 1€/1 mês
  • 1
  • ...

A variação homóloga do Índice de Preços no Consumidor (IPC) foi -0,1% em setembro, taxa inferior em 0,1 pontos percentuais (p.p.) à registada no mês anterior.

O indicador de inflação subjacente (índice total excluindo produtos alimentares não transformados e energéticos) registou uma variação homóloga de -0,2%, taxa inferior em 0,1 p.p. à registada em agosto.

O agregado relativo aos produtos alimentares não transformados registou uma variação homóloga de 4,2% em setembro (valor idêntico ao registado no mês precedente), enquanto o índice referente aos produtos energéticos apresentou uma taxa de variação de -5,6% (-4,9% no mês anterior).

Face ao mês de agosto, as classes de Lazer, recreação e cultura, dos Acessórios, equipamento doméstico e manutenção corrente da habitação e da Saúde viram aumentos da taxa de variação homóloga de 0,2%, -0,4% e 1,3%, respetivamente, enquanto o Vestuário e calçado e os Restaurantes e hotéis se moveram no sentido oposto.

Numa visão homóloga, as classes com contribuições positivas para a variação do IPC são as dos Bens alimentares e bebidas não alcoólicas, dos Bens e serviços diversos e da Saúde. Nas classes com contribuições negativas salientam-se a dos Transportes e do Vestuário e calçado.

Setembro torna-se desta forma o quarto mês este ano em que a taxa de inflação é negativa, depois de ter baixado da linha de água em agosto, abril e maio.

O Índice Harmonizado de Preços no Consumidor (IHPC) português registou uma variação homóloga de -0,8%, inferior em 0,5 p.p. ao estimado pelo Eurostat para a área do Euro, quando em agosto os valores nacional e europeu haviam estado em linha.

Ver comentários
Saber mais Índice de Preços no Consumidor Bens IPC Saúde Vestuário economia negócios e finanças macroeconomia economia (geral) preços
Mais lidas
Outras Notícias