Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Inflação sobe para 3,3% em janeiro, o valor mais alto desde o início de 2012

O índice de preços no consumidor registou uma variação homóloga de 3,3% no arranque deste ano, 0,6 pontos percentuais acima de dezembro de 2021, de acordo com o Instituto Nacional de Estatística, que confirma a estimativa rápida avançada a 31 de janeiro.

Desde 1999 que não se verificava uma tão acentuada descida no consumo das famílias.
António Pugliese
Paulo Ribeiro Pinto paulopinto@negocios.pt 10 de Fevereiro de 2022 às 11:29
  • Partilhar artigo
  • 2
  • ...
A inflação subiu para 3,3% em janeiro deste ano, face ao mesmo mês de 2021, registando o valor mais elevado desde fevereiro de 2012, indicou o Instituto Nacional de Estatística (INE) esta quinta-feira, 10 de fevereiro.

A contribuir para este aumento o INE destaca os preços dos transportes e dos bens alimentares e bebidas não alcoólicas.

O indicador de inflação subjacente (que exclui os produtos alimentares não transformados e energéticos pela elevada volatilidade) registou uma variação homóloga de 2,4%, taxa superior em 0,6 pontos percentuais à registada em dezembro de 2021.


Os preços dos equipamentos para a casa e da manutenção das habitações face a dezembro, registaram as variações positivas em cadeia mais significativa no mês de janeiro.

Os produtos energéticos (combustíveis rodoviários, eletricidade, gás) voltaram a apresentar "uma taxa de variação de 12,1% (11,2% em dezembro), enquanto o índice referente aos produtos alimentares não transformados registou uma variação homóloga de 3,4% (3,2% em dezembro), indica o gabinete de estatística.

(Notícia em atualização)
Ver comentários
Outras Notícias