Conjuntura Taxa de desemprego cai para os 13% em Abril

Taxa de desemprego cai para os 13% em Abril

A taxa de desemprego portuguesa recuou em Abril 0,2 pontos percentuais, fixando-se agora nos 13%, mostram os dados publicados esta terça-feira pelo INE. Este é o valor mais baixo desde Agosto de 2011.
Taxa de desemprego cai para os 13% em Abril
Bruno Simão/Negócios
Nuno Aguiar 02 de junho de 2015 às 11:06

O alívio do desemprego observado nos últimos dois meses voltou a verificar-se em Abril, com uma diminuição da taxa de desemprego de 13,2% para 13%, o que corresponde a um mínimo de Agosto de 2011. Depois de o mercado de trabalho ter dado maus sinais em Dezembro e em Janeiro, a tendência parece ter voltado a ser de desagravamento.

 

"Em Abril de 2015, a estimativa provisória da taxa de desemprego foi de 13,0%, o que traduz uma nova diminuição, de 0,2 pontos percentuais, em relação ao mês anterior e para o que contribuiu o decréscimo da população desempregada e o acréscimo da população empregada", escreve o INE

 

O resultado foi haver menos 10,7 mil pessoas desempregadas do que em Março (-1,6%), o que aponta para uma estimativa de 667,8 mil desempregados. Todos os grupos parecem ter contribuído para esta descida: adultos (7,3 mil), mulheres (7,2 mil), homens (3,5 mil) e jovens (3,4 mil).

 

Ao contrário do que chegou a acontecer durante alguns trimestres, esta diminuição do desemprego foi acompanhada por um reforço do emprego. Segundo o INE, em Abril, Portugal tinha 4.486,3 mil pessoas empregadas. Ou seja, mais 22,1 mil do que em Março (0,5%). Também neste caso, a melhoria fez-se sentir em todos os grupos analisados: adultos (15,4 mil), homens (13,4 mil), mulheres (8,6 mil) e jovens (6,6 mil). 

 

A taxa de emprego fixou-se nos 57,3%, mais 0,3 pontos do que no mês anterior.




pub

Marketing Automation certified by E-GOI