Conjuntura Venda de carros a França foi a estrela das exportações portuguesas em 2017

Venda de carros a França foi a estrela das exportações portuguesas em 2017

Os carros exportados para França levaram a ganhos de quota de mercado significativos para Portugal. No turismo os mercados que mais cresceram foram o norte-americano e o britânico.
Tiago Varzim 21 de junho de 2018 às 13:05
É nas exportações que Portugal converge e até supera o desempenho europeu. A economia portuguesa tem ganho quota de mercado dentro da União Europeia de tal forma que o desempenho positivo das exportações portuguesas foi superior ao observado noutros países europeus nos últimos dez anos. Em 2017, a quota de mercado de Portugal aumentou 2,8 pontos percentuais. O principal contributo veio dos carros exportados para França. 

Os cálculos são do Banco de Portugal e constam do Boletim Económico de Junho divulgado esta quinta-feira. A conclusão principal é a de que, em comparação com o pré-crise, Portugal foi o país que mais melhorou a quota de mercado das exportações de bens e serviços. As exportações portuguesas superaram mesmo a procura externa e a evolução das importações da União Europeia. "Estes ganhos apontam para uma melhoria da competitividade revelada das exportações portuguesas", assinala o Banco de Portugal. 

A quota de mercado das exportações portuguesas, neste caso, é calculada dividindo-se as exportações do país pelas exportações totais da União Europeia. O indicador mede a importância de Portugal nas exportações totais da UE e traz boas notícias: "O desempenho positivo das exportações portugueses tem excedido, em larga medida, o observado noutros países da área do euro". Em 2017 o ganho de quota foi menos expressivo do que em 2016, mas ainda assim relevante: foi uma subida de 2,8 pontos percentuais. 

Na análise do Banco de Portugal ao comércio de bens dentro da UE, excluindo combustíveis, destaca-se os ganhos de quota de mercado na exportações de material de transporte, principalmente automóveis. Desagregando por grupo de produtos, as exportações de carros foram as que deram um maior contributo para o ganho de quota de mercado, seguindo-se a categoria de produtos diversos que engloba vários bens. 

Desagregando por país, o mercado francês como destino foi o que deu um maior contributo para o ganho de quota de mercado de Portugal. O Banco de Portugal refere que o "ganho significativo de quota" em França veio exactamente da categoria de bens que mais contribuiu para o ganho de quota de mercado: os automóveis. 


De acordo com os dados da ACAP analisados pelo Negócios, o número de automóveis produzidos em Portugal para exportação com destino em França aumentou de 13,6 mil veículos em 2016 para 20 mil em 2017. Em termos de empresas, tanto a Autoeuropa de Palmela como a PSA (Peugeot Citroën) de Mangualde contribuíram para este desempenho positivo. França passou assim do quarto para o terceiro destino das exportações portuguesas de automóveis, representando 11,9% do total. 

Fora da União Europeia destaca-se o Brasil

A análise ao que aconteceu à quota das exportações portuguesa no mercado exterior à União Europeia conclui que também aqui houve ganhos "significativos, especialmente nos anos mais recentes".

No ano passado, o destaque foi para o Brasil. Por categoria de produtos, as exportações de bens portugueses para o mercado brasileiro aumentaram essencialmente no combustível, bens de consumo e material de transporte. 

Turismo português ganha terreno no mercado norte-americano

O ganho de quota de mercado nas exportações de serviços (turismo) foi "muito significativo" nos últimos dois anos. Apesar dos ganhos serem generalizados aos principais mercados de exportação destes serviços, há alguns que se destacaram em 2017. É o caso do mercado norte-americano, mas também do mercado britânico. Seguem-se o mercado alemão, o brasileiro, o francês e o espanhol. 

Também nas exportações de turismo, desde 2008 que Portugal tem tido um "desempenho muito positivo" e superior ao observado noutros países do sul da Europa.



pub

Marketing Automation certified by E-GOI