Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Ceticismo sobre vacina da covid-19 em França dificulta imunização

Um inquérito apurou que, em meados de dezembro, apenas 40% dos franceses em idade adulta pretendiam vacinar-se contra a covid-19.

Ana Batalha Oliveira anabatalha@negocios.pt 13 de Janeiro de 2021 às 15:14
  • Assine já 1€/1 mês
  • 1
  • ...

Até esta terça-feira, foram vacinadas 190.000 pessoas em França, sendo que o plano de vacinação começou a 27 de dezembro. O objetivo era vacinar 1 milhão de cidadãos até ao fim de janeiro.

Ao passo atual, a meta do 1 milhão de vacinados não vai ser atingida antes do dia 24 de fevereiro, de acordo com os dados do CovidTracker francês, citado pela CNBC.

Um inquérito da Ipsos, conduzido em conjunto com o Fórum Económico Mundial e realizado entre 17 e 20 de dezembro, detetou que França era o país onde menos pessoas tinham intenção de se vacinar. Nestas datas, a vacina já tinha começado a ser administrada tanto nos Estados Unidos como no Reino Unido, mas não na Europa.

O inquérito apurou que apenas 40% dos franceses em idade adulta pretendiam vacinar-se contra a covid-19. Este inquérito foi dirigido a 13.500 pessoas, espalhadas por 15 países.

O país onde a intenção de vacinação é maior é a China, onde 80% dos inquiridos se mostraram disponíveis para levar a vacina no caso de haver essa oportunidade. No Reino Unido a taxa de recetividade registou-se nos 77% e 69% dos norte-americanos também anuíram.

O começo lento também estará relacionado com a burocracia necessária, já que França é o único pais onde é requerido que o consentimento seja atestado por escrito

Ver comentários
Saber mais Ceticismo França Reino Unido saúde medicina preventiva questões sociais
Outras Notícias