Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

"John Carter" vai a Marte e traz prejuízos para a divisão de filmes da Disney

Disney vai registar uma perda de 200 milhões de dólares com o seu recente filme. Este será um dos maiores prejuízos alcançados por um único filme, indicam os analistas.

"John Carter" vai a Marte e traz prejuízos para a divisão de filmes da Disney
Diogo Cavaleiro diogocavaleiro@negocios.pt 20 de Março de 2012 às 13:53
  • Assine já 1€/1 mês
  • ...
Em "John Carter", um veterano da guerra civil norte-americana viaja para Marte, o planeta vermelho. Com o filme, também a Disney vai "viajar" para os números vermelhos.

O filme, que estreou em Portugal na semana passada, representa um prejuízo operacional de, aproximadamente, 200 milhões de dólares (152 milhões de euros) durante o segundo trimestre fiscal da empresa, que acaba a 31 de Março, indicou a Disney em comunicado.

Até ao momento, o filme "John Carter" conquistou 184 milhões de dólares (140 milhões de euros), mas estas receitas têm de ser partilhadas com os operadores.

O filme de ficção científica e fantasia apresentou um custo de produção estimado em 250 milhões de dólares (190 milhões de euros), de acordo com o site box Office Mojo, citado pela Bloomberg.

Como resultado do desempenho negativo da obra realizada por Andrew Stanton (que realizou também "À Procura de Nemo" e "Wall-E"), o segmento de estúdio da Disney deverá apresentar um prejuízo operacional entre 80 e 120 milhões de dólares no segundo trimestre (entre 61 e 91 milhões de euros).

Um dos filmes com maior prejuízo da indústria

De acordo com a agência Bloomberg e o "Financial Times", a película protagonizada por Taylor Kitsch e que conta com a participação de Willem Dafoe será um dos filmes com um resultado negativo mais alto de sempre.

"Acho que este é o maior prejuízo com um só filme que alguma vez vi", considerou à Bloomberg o analista Matthew Harrigan, que segue a indústria há 20 anos.

"Olhando para a segunda metade do ano, estamos entusiasmados com os futuros lançamentos de 'The Avengers' ['Os Vingadores'] e de 'Brave', que acreditamos terem um potencial tremendo para conduzir valor para o segmento cinematográfico e para o resto da empresa", considera a Walt Disney no seu comunicado. O primeiro filme reúne vários super heróis e conta a participação de Robert Downey Jr e Scarlett Johansson. Já o segundo leva a voz de Emma Thompson ao grande ecrã num filme animado.
Ver comentários
Saber mais Disney John Carter
Outras Notícias