Justiça  JN: PGR investiga almoço entre Sócrates e Pinto Monteiro

JN: PGR investiga almoço entre Sócrates e Pinto Monteiro

O almoço entre o ex-procurador-geral da República Pinto Monteiro e José Sócrates, três dias antes de o ex-primeiro-ministro ter sido detido, está a ser investigado pela Procuradora Geral da República, noticiou o JN.
 JN: PGR investiga almoço entre Sócrates e Pinto Monteiro
Negócios 26 de novembro de 2014 às 08:44

Ao que indica o Jornal de Notícias, a Procuradoria-Geral da República emitiu uma nota dando conta de que "o Ministério Público, sempre que tem conhecimento de factos suscetíveis de integrarem o crime de violação do segredo de justiça, age em conformidade".

 

Nestes termos, e na sequência de notícias veiculadas por diversos órgãos de comunicação social, foi decidido instaurar um inquérito onde se investiga toda esta factualidade".

 

Além de envolver jornais e jornalistas, por terem noticiado algo que está em segredo de justiça, o Jornal de Notícias indica que o inquérito estará também relacionado com o referido almoço, que é de resto uma das prioridades.

 

As suspeitas da PGR de que Pinto Monteiro possa ter dado informações ao ex-primeiro-ministro sobre a investigação adensam-se com o facto de haver escutas onde é possível ouvir os dois a falar sobre o processo e sobre a possibilidade de prisão preventiva.

 

Há também indícios de que o advogado de Sócrates, João Araújo, tenha começado a preparar a sua defesa há cerca de um mês, pelo que a detenção já seria do conhecimento do socialista.

 




pub

Marketing Automation certified by E-GOI