Empresas Gaia dá luta a Lisboa nas melhores cidades para investir

Gaia dá luta a Lisboa nas melhores cidades para investir

O estudo da consultora Bloomconsulting elege as melhores cidades para investir, visitar e viver em Portugal. Para lá chegar, cruza dados estatísticos, a pesquisa sobre os municípios feita online bem como a presença destes na internet. Lisboa lidera em todas as dimensões mas tem rivais.
Gaia dá luta a Lisboa nas melhores cidades para investir
Correio da Manhã
Wilson Ledo 13 de março de 2018 às 08:20

Gaia é a que mais sobe para investir
É uma subida de 10 posições aquela que Vila Nova de Gaia protagoniza na lista de melhores cidades para investir do Portugal City Brand Ranking de 2018. A Bloomconsulting considera que a cidade na margem sul do rio Douro "está a tornar-se numa das maiores referências nacionais em termos de negócios".

A cidade beneficia de uma tradição do Norte nos negócios, com a região representada nove vezes nas 25 primeiras posições desta lista. Porto e Braga afirmam-se logo no segundo e terceiro lugar, respectivamente. Para chegar a estas conclusões, a Bloomconsulting cruzou  estatísticas relativas ao número de empresas e a procura online de que esses mesmos municípios são alvo. É citado um estudo  da revista The Economist, onde 58% dos gestores consideram as consultas online as suas primeiras e principais fontes de informação para analisarem o risco de um investimento.

Nesta edição, a lista mostrou-se mais "volátil", o que é reflexo do "empenho e impacto das estratégias dos municípios portugueses na captação de novos negócios, fomento de exportações e atracção de investidores", diz a consultora, no estudo a que o Negócios teve acesso.

9
N
orte
A região Norte está representada nove vezes entre as 25 melhores cidades para investir. A região de Lisboa está oito vezes.

























Nazaré e surf a chamar atenção
Subiu seis posições e garantiu um lugar entre os 10 melhores municípios portugueses para visitar. Nazaré é um dos destaques na edição deste ano do Portugal City Brand Ranking, que classifica a subida como "marcante", e que o Negócios teve acesso.

O município surge à frente, por exemplo, de Coimbra, Braga e Évora.

Há um factor a justificar a evolução deste destino do Centro: o maior interesse pela prática de surf em Portugal. O estudo dá conta que o número de pesquisas online por surf em Portugal cresceu 99%, beneficiando outros municípios como Figueira da Foz ou Peniche.

Entre as tendências de quem pesquisa na Internet sobre Portugal há a registar também o interesse pela gastronomia e pelas praias, com subidas acima dos 70%.

No que respeita ainda a paragens para visitar em Portugal, o estudo da Bloomconsulting destaca este como o "ano de afirmação dos Açores". O documento concretiza que, em termos turísticos, a região "obteve um volume de pesquisas sem precedentes", a crescer mais de 60%. Ponta Delgada sobe três posições, para o 15.º lugar.

Em sentido inverso, há a registar as quebras no interesse por Tavira ou Óbidos.

99%
Pesquisas
O número de pesquisas online sobre surf em Portugal aumentou 99%, beneficiando vários concelhos.


























Lisboa é o melhor sítio para viver
O município de Lisboa surge como líder destacado no Portugal City Brand Ranking  para os negócios e para o turismo mas é a também a primeira escolha para viver. Uma situação que se mantém desde a edição anterior.

Daí que a consultora responsável pelo estudo opte por destacar a subida de Braga, que supera Sintra e se afirma na quarta posição. 

Já os concelhos de Viseu e Oeiras sobem ambos duas posições para, respectivamente, o oitavo e nono lugares. Este "ranking" acaba por ser dominado pelos municípios com maior volume populacional.

A tragédia dos incêndios do último ano fez os portugueses estar mais atentos a novas geografias dentro do país. A onda de solidariedade sentiu-se online, com o número de pesquisas sobre Pedrógão Grande a aumentar 316%.

Nas redes sociais define-se ainda a relação entre o poder e as pessoas. Bombarral, Mourão e Corvo foram os que mais cresceram em número de seguidores nas redes sociais, "sinal de que os pequenos municípios conseguem também criar um elevado impacto com as suas marcas", considera a Bloomconsulting.

1.º
Lisboa
O município de Lisboa é considerado pelo estudo da Bloomconsulting o melhor para viver, investir e visitar.




A sua opinião0
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
comentar
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
pub