Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Abona de família para crianças e jovens aumenta entre 2,6% e 3,1%

As prestações familiares, como o abono de família para crianças e jovens, aumentaram entre 2,6 e 3,1% a partir do dia 1 de Janeiro, de acordo com uma portaria hoje publicada em Diário da República.

Maria João Soares mjsoares@negocios.pt 16 de Abril de 2007 às 12:43
  • Assine já 1€/1 mês
  • ...

As prestações familiares, como o abono de família para crianças e jovens, aumentaram entre 2,6 e 3,1% a partir do dia 1 de Janeiro, de acordo com uma portaria hoje publicada em Diário da República.

O abono de família para crianças e jovens beneficia de um crescimento de 3,1% no caso dos 1º, 2º e 3º escalões de rendimentos. Para os 4º e 5º escalões o aumento é de 2,1%.

O valor das prestações varia, no caso das crianças com idade igual ou inferior a 12 meses, entre os 130,62 euros, para o 1º escalão de rendimentos, e os 32,28 euros, para o 5º escalão de rendimentos.

Para as crianças com idade superior a 12 meses, os valores variam entre os 32,65 euros, no 1º escalão de rendimentos, e os 10,76 euros, no 5º escalão.

Tanto a bonificação por dependência e deficiência, que acresce ao abono familiar para crianças e jovens, como o subsídio mensal vitalício e o subsídio por assistência de terceira pessoa sofrem um aumento de 3,1%, relativamente aos valores praticados anteriormente.

As prestações por deficiência e dependência variam entre os 55,88 euros, para crianças até aos 14 anos, e os 108,36 euros para jovens entre os 18 e os 24 anos.

O subsídio mensal vitalício aumentou para 165,17 euros enquanto o subsídio por assistência de terceira pessoa passa a ser de 82,58 euros.

O subsídio de funeral beneficia de uma actualização de 3,1%, situando-se nos 203,76 euros.

Ver comentários
Outras Notícias